Porto Alegre

19ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sexta-feira, 26 de Maio de 2017

  • 18/05/2017
  • 16:10
  • Atualização: 19:09

Show em Porto Alegre faz tributo ao Pink Floyd

Apresentação do grupo Ummagumma é homenagem aos 40 anos do álbum "Animals"

Apresentação conta com a participação da cantora norte-americana Lorelei McBroom | Foto: Photofeeling / Divulgação / CP

Apresentação conta com a participação da cantora norte-americana Lorelei McBroom | Foto: Photofeeling / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Considerado um dos maiores tributos ao Pink Floyd do país, e reconhecido pelos recursos audiovisuais, o grupo mineiro Ummagumma volta a se apresentar em Porto Alegre sua nova turnê "You Gotta Be Crazy". O show terá performance única no Auditório Araújo Vianna (Osvaldo Aranha, 685) neste sábado, às 21h. Os ingressos custam entre R$ 80 e R$ 160 e podem ser adquiridos pelo site, na bilheteria do Teatro do Bourbon Country (Túlio de Rose, 80) ou no local, somente na data da apresentação, a partir das 14h.

Com 13 músicos no palco, o espetáculo homenageia os 40 anos de "Animals", décimo álbum de estúdio da banda inglesa, além de celebrar outras fases dos ícones do rock progressivo. A nova tour ainda traz uma outra surpresa especial: o clássico disco "Dark Side of the Moon" será interpretado na íntegra com participação da cantora norte-americana Lorelei McBroom, que foi backing vocal do Pink Floyd em duas turnês do grupo durante os anos 80.

Lorelei conheceu a "Ummagumma – The Brazilian Pink Floyd" em 2016 e entrou em contato com o grupo demonstrando interesse em participar do projeto. Após o grande sucesso de uma apresentação em Belo Horizonte no último ano, a artista foi chamada para fazer parte oficialmente de "You Gotta Be Crazy".  Nascida em Los Angeles, nos Estados Unidos, ela recebeu ainda na formação familiar boas doses de blues, rock, folk, jazz e soul. Sua primeira exposição foi logo com duas turnês como backing vocal do Pink Floyd, no final dos anos 80, o que abriu as portas para na sequência viajar com os Rolling Stones, com direito a dueto com Mick Jagger em "Gimme Shelter".