Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 21 de Outubro de 2017

  • 02/06/2017
  • 16:16
  • Atualização: 16:49

Oitava temporada de "Game of Thrones" pode atrasar um ano

Em entrevista, presidente de programação da HBO também deu detalhes sobre séries derivadas

Sétima temporada do seriado estreia no dia 16 de julho  | Foto: Helen Sloan / HBO / CP

Sétima temporada do seriado estreia no dia 16 de julho | Foto: Helen Sloan / HBO / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A notícia de que a HBO está desenvolvendo roteiros para séries derivadas de "Game of Thrones" deixou os fãs do megasucesso em êxtase e gerou inúmeros questionamentos e especulações. Em entrevista ao site Entertaiment Weekly, o presidente de programação da emissora, Casey Bloys, comentou a estratégia do canal, que pela primeira vez vai produzir um programa derivado. Ele também revelou que a oitava temporada do seriado pode ir ao ar apenas em 2019, porque os produtores David Benioff e D.B. Weiss ainda precisam finalizar os roteiros, para só então ser possível determinar quando será transmitida.

"Eles precisam escrever os episódios para planejar o cronograma de produção. Teremos um melhor senso disso, uma vez que eles se aprofundem na escrita", diz. Benioff e Weiss, como já era esperado, não estarão envolvidos nas séries derivadas de "Game of Thrones" que são planejadas pela HBO. "Nós esperávamos ter o nome deles nas séries por respeito ao seus trabalhos, mas entendemos o motivo para eles não quererem", explica.

Bloys enfatiza que nem todos os projetos em desenvolvimento se tornarão realidade. "As pessoas entenderam que todos serão produzidos e teremos um novo 'GoT' a cada quatro meses. Não é isso que está acontecendo, e a ideia não é fazer quatro novas séries de TV", frisa. Reiterando o que já havia sido esclarecido por George RR Martin, ele diz que as derivadas não serão sequências ou spin-offs, mas prequels. "O fato de que há material suficiente para contemplar a realização de diferentes prequels é loucura quando você pensa sobre isso. George tem todas essas histórias em que ele pensou e essa é uma das razões pelas quais os livros são tão bons", analisa Bloys.

No momento, a prioridade da emissora é, de acordo com o presidente de programação, fazer "Game of Thrones" o melhor possível. "Nosso foco é soltar a sétima temporada ainda esse ano, escrever e exibir a oitava. O padrão de qualidade imposto pelos criadores da série original é tão alto que eu espero que pelo menos um dos novos seja digno de comparação", continou. Bloys explica que "mesmo o menor número de informações é um grande negócio", mas espera que os fãs entendam que é um processo embrionário. Ele também confessa: "eu nem mesmo vi esboços".


TAGS » Série, Variedades, TV