Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

  • 03/08/2017
  • 16:34
  • Atualização: 18:18

Cinco espetáculos do Porto Alegre em Cena têm ingressos limitados em pré-venda

Nesta fase, entradas para apresentações que ocorrem no Theatro São Pedro já podem ser compradas

Andrea Beltrão apresentará o monólogo

Andrea Beltrão apresentará o monólogo "Antígona" | Foto: Matheus José Maria

  • Comentários
  • Correio do Povo

Cinco espetáculos da 24ª edição do Porto Alegre em Cena, que movimentará a área cultural da Capital entre 12 e 24 de setembro e valorizará a presença feminina nos palcos, já estão com ingressos disponíveis. Esta pré-venda tem entradas limitadas para apresentações que acontecerão no Theatro São Pedro (Pça da Matriz, s/nº) durante o festival. Duas performances musicais e três cênicas estão com tíquetes em fase de comercialização na bilheteria local e pelo site, com valores de R$ 80.

Partindo do repertório do primeiro disco lançado, intitulado "Mulher", o grupo As Bahias e a Cozinha Mineira apresentarão um espetáculo vibrante e altamente performático no dia 13 de setembro, a partir das 21h. O show é composto por uma sonoridade original e multifacetada – que abarca elementos de ritmos brasileiros como samba, axé, rock e funk, além do blues e outras vertentes internacionais – e ainda, de quebra, traz à tona questões relacionadas a gênero e universo feminino. A banda é formada pelas vocalistas trans Assucena Assucena e Raquel Virgínia, conta ainda com Rafael Acerbi na guitarra, Rob Ashtoffen no baixo, Carlos Eduardo Samuel no teclado, Vitor Coimbra na bateria e Danilo Moura na percussão.

Nos dias 15 e 16 (21h) e dia 17 (18h), a e peça "Chopin" terá estreia nacional, com Nathalia Timberg interpretando o compositor no primeiro papel masculino de sua carreira. Concebida e roteirizada originalmente por Philippe Etesse e partindo de cartas e declarações de sua amante, o espetáculo ilumina, através deste encontro de música e palavras, 20 anos da vida e da obra de do célebre pianista polonês, sugerindo uma atmosfera impalpável que emerge de dentro da personagem e que divide-se entre um doloroso cotidiano e um ideal inatingível.

Já no feriado do dia 20, Alice Caymmi apresenta canções do disco "Rainha dos Raios"(2014), que tem recriações de obras de Caetano, Maysa e Gilberto Gil. Mergulhando fundo na memória afetiva, sem rótulos e sem amarras, a artista embaralha conceitos de brega e chique e, com arranjos inventivos, não deixa nada em seu lugar convencional, numa espécie de descarga eletrizante de criatividade no universo pop.

"Antígona", com apresentações nos dias 21 e 22, às 21h, marca os 40 anos de carreira de Andrea Beltrão. Em seu primeiro solo, ela constrói este monólogo – baseado na tradução de Millôr Fernandes para a obra homônima de Sófocles – ao lado do experiente Amir Haddad, um dos maiores diretores de teatro do Brasil. Nesta montagem, a tragédia desenrola-se a partir da árvore genealógica da protagonista, Antígona, chegando até os deuses do Olimpo, sempre de forma muito direta e trazendo como principal ponto de reflexão o conflito entre as leis dos deuses e as leis dos homens.

O público também pode adquirir ingressos para "Lifting", que encerra a programação do Theatro no dia 23 de setembro, às 21h, e dia 24, às 18h. Em palco, Angela Rebello, Drica Moraes, Lorena da Silva e Solange Badim unem-se para encenar esta peça com alta voltagem de humor, com texto do espanhol Felix Sabroso e direção de Cesar Augusto. Inspiradas pelas linguagens cênicas do cabaré e do besteirol dos anos 80, as atrizes desdobram-se em múltiplas personagens, todas com algo em comum: obcecadas por manter-se com aparência jovem eternamente, apresentando ao público uma comédia com espírito underground que, além de bastante divertida, traz pitadas de sarcasmo e crítica social.