Correio do Povo

Porto Alegre, 29 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
13ºC
Amanhã
16º 27º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

11/05/2014 20:16 - Atualizado em 12/05/2014 07:41

Decisão do campeonato do Congo tem 15 mortes após confrontos

Torcedores do Mazembe e do ASV Club se envolveram em brigas que interromperam jogo

Torcedores do Mazembe e do ASV Club se envolveram em brigas que interromperam o jogo<br /><b>Crédito: </b> Mazembe/Divulgação CP
Torcedores do Mazembe e do ASV Club se envolveram em brigas que interromperam o jogo
Crédito: Mazembe/Divulgação CP
Torcedores do Mazembe e do ASV Club se envolveram em brigas que interromperam o jogo
Crédito: Mazembe/Divulgação CP

Pelo menos 15 pessoas morreram e outras 21 ficaram feridas, neste domingo, em Kinshasa, na República Democrática do Congo. A partida decisiva do campeonato nacional, entres ASV Clube e Mazembe registrou confrontos violentos entre torcedores após a vitória do Mazembe por 1 a 0. O governador de Kinshasa, André Kimbuta, se encontrou com o ministro do Interior, Richard Muyej, no hospital Mama Yemo e relatou as estatísticas trágicas.

O Mazembe ganhou fama em 2010, quando derrotou o Inter na semifinal do Mundial de Clubes. Na decisão do campeonato, a equipe, que era a atual campeã africana, foi derrotada pela Inter de Milão. Na grande final, o Mazembe vencia por 1 a 0 quando a confusão começou. Primeiro, pedras foram atiradas em campo. Depois, bombas de gás lacrimogêneo cruzaram o ar começaram brigas generalizadas, obrigando a interrupção do jogo.

Mesmo com a tragédia, os jogadores do Mazembe, inclusive o goleiro Kidiaba, famoso pelas dancinhas contra o Inter, comemoraram o seu 14º título nacional.

Bookmark and Share

Fonte: AFP






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.