Porto Alegre, sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

  • 04/07/2014
  • 18:56
  • Atualização: 22:35

Brasil vence e está na semifinal da Copa

Thiago Silva e David Luiz marcaram no 2 a 1 sobre a Colômbia no Castelão

David Luiz marcou o segundo gol do brasil contra a Colômbia | Foto: Eitan Abramovich / AFP / CP

David Luiz marcou o segundo gol do brasil contra a Colômbia | Foto: Eitan Abramovich / AFP / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Foi um sufoco. Com direito a pressão colombiana no final, o Brasil venceu por 2 a 1, no Castelão, e classificou para enfrentar a Alemanha na semifinal da Copa do Mundo na próxima terça, às 17h, no Mineirão. Os zagueiros Thiago Silva e David Luiz marcaram os gols da vitória e James Rodriguez descontou. A Seleção de Felipão não mostrou um futebol de “encher os olhos”, mas foi combativa, criou oportunidades e soube segurar o adversário em momentos importantes da partida.

O jogo


A Seleção começou pressionando a Colômbia. Logo a seis minutos, Neymar cobrou escanteio do lado esquerdo do ataque brasileiro. A bola passou por praticamente todos os jogadores e caiu próximo ao segundo poste. Thiago Silva entrou sem marcação e, de joelho, empurrou para o fundo das redes. Desta vez, sem choro. Apenas um grito de “Aqui é Brasil” na comemoração. A Colômbia respondeu aos 10 minutos com Cuadrado. O meia arriscou da entrada da área, a bola desviou em Thiago Silva e passou próxima ao poste esquerdo de Julio Cesar.

Diferentemente das outras partidas da Copa, a seleção adiantou a marcação e passou a pressionar os colombianos. Atuando no campo ofensivo, o time de Felipão teve mais facilidades para criar oportunidades de gols. Aos 19, Hulk passou para Neymar, recebeu novamente e chutou, obrigando Ospina a espalmar. No rebote, Oscar chutou fraco e o goleiro colombiano fez fácil defesa.

Pressionados, os colombianos buscavam os contra-ataques para tentar igualar o placar. Aos 22, com quatro contra dois brasileiros, Cuadrado avançou pela direita e tentou o passe para Téo, mas Thiago Silva deu o carrinho e evitou a criação de um lance de perigo. Cinco minutos depois, Hulk recebeu passe dentro da área, se livrou do marcador e chutou rasteiro. Ospina fez excelente defensa. No rebote, Oscar bateu colocado e o goleiro segurou com firmeza.

Nos minutos finais do primeiro tempo, lances fortes e muitas faltas de ambos os lados. Neymar por pouco não ampliou aos 43 minutos cobrando falta próximo ao ângulo esquerdo de Ospina.

Seleção espera Colômbia no 2º tempo

O Brasil retornou para o segundo tempo com outra postura. Na frente no placar, os comandados de Felipão deixaram de pressionar com tanto vigor a saída de bola dos colombianos e passaram a esperar os adversários no meio de campo. Com mais espaço, os brasileiros buscavam contra-ataques para tentar ampliar.

Aos sete minutos, Neymar cobrou falta, Zapata cabeceou para trás e a bola passou próximo a meta defendida por Ospina. Depois deste lance, a Colômbia passou a dividir o controle da posse de bola com o Brasil, mas sem conseguir chances claras de gol. Porém, foi o Brasil que ampliou aos 23 minutos. David Silva bateu falta de intermediária com perfeição no ângulo esquerdo do goleiro colombiano.

Aos 32 minutos, Bacca recebeu excelente passe de James Rodriguez e foi derrubado dentro da área por Julio Cesar. Na cobrança, aos 34, James chutou no canto inferior direito do goleiro brasileiro, que pulou para o esquerdo. Brasil 2 a 1.

Dois minutos dois, James cruzou e Bacca desviou de cabeça. A bola passou muito próximo ao poste esquerdo da meta brasileira. Aos 42 minutos, Neymar deixou o gramado carregado de maca, após levar uma joelhada nas costas de Zuñiga. Nos minutos finais, a Colômbia pressionou, mas não conseguiu superar a defesa brasileira.

Quartas de final

Brasil
(2)
Julio Cesar; Maicon, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Paulinho (Hernanes), Fernandinho, Oscar, Hulk (Ramires); Neymar (Henrique) e Fred. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Colômbia (1)
Ospina; Zuniga, Zapata, Yepes e Armero; James Rodríguez, Guarin, Sánchez e Cuadrado (Quintero); Téo Gutiérrez (Bacca) e Ibarbo (Ramos). Técnico: José Pekerman

Gols: Thiago Silva (6min/1ºT), David Luiz (23min/2ºT) e James (34min/2ºT)

Cartões amarelos: Thiago Silva (2º amarelo, fora da semifinal) e Julio Cesar (BRA) e James e Yepes (COL)

Árbitro: Carlos Velasco (ESP)
Local: Castelão





Bookmark and Share