Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
17ºC
Amanhã
15º


Faça sua Busca


Esportes > Fórmula 1

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

05/07/2014 10:35 - Atualizado em 05/07/2014 11:03

Nico Rosberg conquista a pole em Silverstone

Williams e Ferrari foram eliminadas logo no Q1

Alemão Rosberg conquista a pole em Silverstone<br /><b>Crédito: </b> Andrew Yates / AFP / CP
Alemão Rosberg conquista a pole em Silverstone
Crédito: Andrew Yates / AFP / CP
Alemão Rosberg conquista a pole em Silverstone
Crédito: Andrew Yates / AFP / CP

Em um treino com pista molhada, chuva que caía e parava e Williams e Ferrari eliminadas logo no Q1, era de se esperar uma surpresa na pole position do GP de Silverstone. Porém, Nico Rosberg, da Mercedes, tratou de rechaçar essa ideia, garantindo sua quarta pole na temporada, com o tempo de 1m35s766.

"É claro que, no que diz respeito ao campeonato, é bom para mim o Lewis em sexto. Eu acho que levará algum tempo para ele subir novamente", comentou Nico Rosberg.

Em segundo, Sebastian Vettel, da Red Bull, que chegou a liderar por alguns segundos no fim do treino, com o bom tempo de 1m37s386. Em terceiro, outro que surpreendeu: Jenson Button, da McLaren, que fechou com a marca de 1m38s200.

Na quarta colocação, larga o piloto da Force India, Nico Hulkenberg, com o tempo de 1m38s329, seguido por Kevin Magnussen, da McLaren, com a marca de 1m38s417. Em sexto, mais uma surpresa: Lewis Hamilton, da Mercedes, que não teve chances de cravar uma última volta boa e fechou em 1m39s232.

O sétimo foi Sergio Pérez, da Force India, com 1m40s457, seguido por Daniel Ricciardo, da Red Bull, na casa de 1m40s606. Na nona e décima colocações, a dupla da Toro Rosso, Jean-Eric Vergne (1m40s707), e Daniil Kvyat (1m40s855).

A largada para a nona etapa da temporada, o GP de Silverstone, está marcada para este domingo, às 9h (horário de Brasília).

O treino

Q1
Um Q1 completamente fora do normal. Com a pista molhada, muitos pilotos saíram cedo para garantirem o melhor tempo. O treino "bizarro" pode ser explicado pelos 10 primeiros, já que entre eles haviam: Kvyat, em segundo, Bianchi, em quarto, Chilton, em sexto, e Sutil, em nono.

Entre os eliminados, por incrível que pareça, Valtteri Bottas, da Williams, em 17º, com seu companheiro Felipe Massa em 18º, seguido pelas Ferrari de Fernando Alonso e Kimi Raikkonen, além de Ericsson e Kobayashi, da Caterham.

"A gente fez tudo errado. Fizemos a estrategia errada, esperamos muito pra sair. Não tivemos chance nenhuma de lutar pela estrategia. Jogamos no lixo uma oportunidade de largar bem com os dois carros", comentou Felipe Massa, à Rede Globo.

Q2
No Q2, a pista alternou entre seca e molhada, oferecendo a alguns pilotos a chance de ocupar boas posições em certos momentos do treino, como Bianchi, Sutil e Chilton entre os 10 primeiros.

Mas logo no início do treino, Hamilton garantiu a liderança, seguido por Rosberg, enquanto Vettel, Button e Kvyat completaram os cinco primeiros, garantindo-se na parte final do classificatório.

Os eliminados foram Romain Grosjean, da Lotus, seguido por Jules Bianchi e Max Chilton, da Marussia, que garantiram a melhor posição de largada da história da equipe, além de Gutierrez, da Sauber, que rodou e bateu após passar com o pneu pela zebra. Fechando a lista dos eliminados, Pastor Maldonado, da Lotus, e Adrian Sutil, da Sauber, que não marcou tempo.

Q3
O Q3 iniciou com duplas: as Mercedes, Red Bull, McLaren, Force India e Toro Rosso. Mas logo com 2 minutos, a chuva voltou e Sergio Pérez conseguiu completar a volta e garantir a primeira liderança da bateria, seguido por Ricciardo e as duas Toro Rosso.

Em sua primeira volta, Lewis Hamilton e Nico Rosberg conseguiram tomar as duas primeiras posições. Com 6 minutos para o fim do treino, a chuva parou e os carros foram levados aos boxes, para tentar garantir uma última volta rápida.

Faltando dois minutos para o fim do treino, os carros voltaram à pista, com as McLaren saindo primeiro. Pérez não conseguiu abrir volta a tempo e perdeu a chance de melhrorar seu terceiro lugar. Vettel conseguiu uma volta incrível e conquistou a liderança, mas Rosberg conseguiu se superar e garantir a pole, deixando Vettel em segundo e Button em terceiro.

Confira o grid de largada para o GP de Silverstone, na Inglaterra:

1 - Nico Rosberg (ALE) - Mercedes - 1m35s766
2 - Sebastian Vettel (ALE) - Red Bull - 1m37s386
3 - Jenson Button (GBR) - McLaren - 1m38s200
4 - Nico Hulkenberg (ALE) - Force India - 1m38s329
5 - Kevin Magnussen (DIN) - McLaren - 1m38s417
6 - Lewis Hamilton (GBR) - Mercedes - 1m39s232
7 - Sergio Pérez (MEX) - Force India - 1m40s457
8 - Daniel Ricciardo (AUS) - Red Bull - 1m40s606
9 - Jean-Eric Vergne (FRA) - Toro Rosso - 1m40s707
10 - Daniil Kvyat (RUS) - Toro Rosso - 1m40s855

Q2

11 - Romain Grosjean (FRA) - Lotus - 1m38s496
12 - Jules Bianchi (FRA) - Marussia - 1m38s709
13 - Max Chilton (GBR) - Marussia - 1m39s800 (Punido, larga em 18º)
14 - Esteban Gutierrez (MEX) - Sauber - 1m40s912 (Punido, larga em 22º)
15 - Pastor Maldonado (VEN) - Lotus - 1m44s018
16 - Adrian Sutil (ALE) - Sauber - Sem tempo

Q1

17 - Valtteri Bottas (FIN) - Williams - 1m45s318
18 - Felipe Massa (BRA) - Williams - 1m45s695
19 - Fernando Alonso (ESP) - Ferrari - 1m45s935
20 - Kimi Raikkonen (FIN) - Ferrari - 1m46s684
21 - Marcus Ericsson (SUE) - Caterham - Sem tempo
22 - Kamui Kobayashi (JAP) - Caterham - Sem tempo

Bookmark and Share


Fonte: AFP






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.