Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 17/08/2014
  • 18:37
  • Atualização: 19:15

Ex-palmeirense, Kardec marca e São Paulo vence o clássico

Atacante marcou o gol da vitória contra o Palmeiras aos 42 do segundo tempo

Alan Kardec enfrentou o seu ex-clube marcando gol | Foto: Rubens Chiri / Divulgação SPFC / CP

Alan Kardec enfrentou o seu ex-clube marcando gol | Foto: Rubens Chiri / Divulgação SPFC / CP

  • Comentários
  • Lancepress

Vilão para os palmeirenses, herói para os são-paulinos. Neste domingo, Alan Kardec, que se mudou para o clube do Morumbi, após saída conturbada do Verdão, anotou o gol da vitória por 2 a 1 deste domingo, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro. Alexandre Pato abriu o placar para o São Paulo, e Henrique fez o de honra do Palmeiras.

O São Paulo vence o Palmeiras, por 2 a 1, neste domingo, no estádio do Pacaembu. Alan Kardec, que se mudou para o clube do Morumbi, após saída conturbada do Verdão, anotou o gol da vitória na partida válida pela 15ª rodada. Alexandre Pato abriu o placar para o São Paulo, e Henrique fez o de honra do Palmeiras.

O primeiro tempo começou com o Palmeiras mostrando muita disposição e ganhando a maioria das divididas, aparentemente motivado pelo retorno de Valdivia, que comandava a equipe em campo. Antes dos dez minutos, o Mago achou Henrique na pequena área – o atacante não conseguiu colocar força na finalização e parou em Rogério Ceni – e levou perigo em cobrança de falta.

Porém, o Verdão sofreria um baque ainda no início do jogo. Aos 14 minutos, o camisa 10 chileno foi ao chão pouco depois de levar a mão à parte de trás da coxa direita. Valdivia foi substituído aos 19 minutos por Felipe Menezes e, segundo médico do Alviverde, estava com o olho direito inchado e se queixando de tontura.

Após a saída do Mago, o São Paulo conseguiu entrar no jogo e passou a ter mais a posse da bola. Mas não foi o bastante para tirar o zero do placar antes do intervalo.

Porém, no início do segundo tempo, a superioridade Tricolor se traduziu em gol. Aos seis minutos, Fábio errou feio ao tentar um chutão e a bola ficou nos pés de Ganso. O Maestro serviu Pato, que, com categoria, colocou no canto esquerdo do goleiro para abrir o placar.

A partir daí, o Verdão se abriu. O ataque do São Paulo tocava bem a bola e foi mais de uma vez parado por impedimentos mal marcados pelo auxiliar. Mas, foi, neste momento, que o Alviverde chegou à igualdade. Felipe Menezes bateu da entrada da área e viu a trajetória de seu chute ser interrompida pelo braço esquerdo de Edson Silva. Pênalti que o destro Henrique bateu curiosamente de perna esquerda para empatar o jogo no Pacaembu.

Mas a vitória seria mesmo do clube do Morumbi. Aos 42, um minuto após Henrique perder chance incrível a favor do Palmeiras, Alan Kardec subiu mais que a zaga após cruzamento de Alvaro Pereira e cabeceou firme para dar números finais ao confronto e garantir a vitória do seu time.

Na próxima rodada, o Palmeiras visita o Sport às 19h30min de quarta-feira. No mesmo dia, também fora de casa, o São Paulo mede forças com o Inter, às 22h, no Beira-Rio.

Bookmark and Share