Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 21/08/2014
  • 09:26
  • Atualização: 09:34

Oswaldo minimiza lesão de Robinho no Santos

Atacante deixou jogo contra Atlético-PR ainda no primeiro tempo

  • Comentários
  • Lancepress

Assim que Robinho caiu no gramado da Vila Belmiro ainda no primeiro tempo da vitória do Santos sobre o Atlético-PR por 2 a 0, o médico do clube Mauricio Zenaide foi rápido atender o atacante. Poucos segundos depois, fez sinal de substituição, e o camisa 7 saiu de maca, com a mão no rosto. A cena foi preocupante para quem estava no estádio, mas logo após a partida, o técnico Oswaldo de Oliveira afirmou que conversou com o médico e minimizou o problema.

"A situação do Robinho não me parece tão grave, não sentiu uma fisgada, foi tipo uma cãibra, que a perna embola, na região da musculatura posterior. Ainda não há previsão, mas ele vai ser examinado na quinta-feira, com cuidado para termos ideia do que vai acontecer", disse o técnico.

O Rei do Drible passará por uma tomografia para ter mais detalhes do grau da lesão. A previsão é que o exame aconteça pouco antes da reapresentação do elenco, nesta quinta, no CT Rei Pelé. Dependendo da gravidade, o craque do Peixe pode ficar de fora do clássico contra o São Paulo, no Morumbi, neste domingo. Caso contrário, o departamento médico terá que correr contra o tempo para recuperá-lo.

Na opinião do treinador, até o fim do primeiro tempo do jogo, quando precisou deixar o campo, sua atuação desequilibrava o adversário. "Claro que a saída de um jogador que já tinha levado perigo de gol e já tinha criado jogadas agudas me preocupou", finalizou. Após a lesão, o substituto para o setor ofensivo foi Rildo, que vinha sendo titular antes da chegada de Robinho.

Bookmark and Share