Correio do Povo

Porto Alegre, 17 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
13ºC
Amanhã
18º 26º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

21/08/2014 14:25 - Atualizado em 21/08/2014 14:26

Clube árabe não paga Flamengo e Hernane pode voltar

Al Nassr não realizou pagamento inicial em prazo estipulado

A transferência de Hernane para o Al Nassr, da Arábia Saudita, parece que está longe de ser resolvida. Ainda mais porque o clube árabe não efetuou o pagamento inicial pelo jogador, que teria de ser cumprido no ato da assinatura do contrato. Caso isso não ocorra até o próximo dia 31, data do fechamento da janela de transferência internacional, o Flamengo não liberará a documentação para a transferência em definitivo do Brocador, que assim, voltará a ser jogador do Rubro-Negro.

Hernane foi liberado pelo Flamengo para ir aos Emirados Árabes para realizar os procedimentos clínicos e, assim, tornar-se atleta do Al Nassr com a garantia do pagamento pela transferência. Na chegada à Arábia, o Brocador foi recebido com status de ídolo, na última semana. O vínculo assinado por Hernane com a equipe saudita seria de três temporadas.

Com a venda de Hernane, o Flamengo deve embolsar praticamente R$ 6,5 milhões, já que tem 50% dos direitos econômicos do jogador. O restante, que também foi solicitado pelo clube do Oriente Médio, estava dividido. Paulo Pitombeira é dono de 35%, enquanto os 15% restantes pertencem à Energy Sports.

Vale destacar também que o atual atacante Elton, que será apresentado nesta quinta-feira, deixou o mesmo time por conta de falta de pagamento. Com isso, os empresários do jogador não renovaram o contrato do centroavante, que retornou ao Corinthians.

Bookmark and Share

Fonte: Lancepress






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.