Porto Alegre, domingo, 26 de Outubro de 2014

  • 24/08/2014
  • 17:54
  • Atualização: 18:35

Grêmio "com estilo Felipão" vence o Corinthians na Arena

Barcos voltou inspirado, comandou o 2 a 1 e ajudou o time a crescer no Brasileirão

  • Comentários
  • Bernardo Bercht/Correio do Povo

Um Grêmio com o "estilo Felipão" contou com o retorno inspirado de Barcos para vencer o Corinthians, neste domingo na Arena. O Pirata marcou os dois gols da vitória por 2 a 1, e ajudou na bola aérea durante a pressão corintiana até o final em busca do empate. Marcelo Grohe foi outro muito exigido, mas a torcida tricolor conseguiu comemorar a segunda vitória no Brasileiro, com muita raça. Com a vitória, os comandados de Felipão chegam a 25 pontos no Brasileirão, na sétima colocação. O Corinthians estaciona nos 31 pontos e é quarto.

O Grêmio demorou a engrenar no primeiro tempo e, mesmo com marcação forte, permitiu vários avanços do Corinthians. A torcida na Arena tentou empurrar, mas o domínio de bola foi dos visitantes na maior parte do tempo, assim como as principais oportunidades de gol.

Corinthians pressiona no primeiro tempo


Logo aos dois minutos, Guerrero recebeu bola na frente da área, Werley só cercou e cercou mal, abrindo espaço para o chute. Mas Marcelo Grohe estava atento e pegou firme no meio. O Timão desperdiçou algumas chances ao rondar a área tricolor, mas sem perigo.

Aos 16 minutos, o Grêmio deu algum tipo de resposta com Luan. O garoto dominou na quina da área, viu Zé Roberto passar, mas preferiu arriscar o chute, só que mandou por cima. Aos 23, outra oportunidade surgiu de falta na meia-lua da área. Zé Roberto bateu colocado, tentando o ângulo esquerdo, mas pegou muito embaixo da bola e perdeu a chance.

O Corinthians voltou a pressionar aos 39 minutos. Jadson recebeu na intermediária pela esquerda, ajeitou para o chute e disparou forte, cruzado. A bola raspou o poste esquerdo. Antes do juiz apitar o fim da etapa, Grohe teve de fazer mais uma intervenção. Elias driblou dois marcadores do Grêmio com facilidade, seguiu em velocidade para a área e chutou, mas o goleiro estava atento para pegar a bola rasteira.

Tricolor retorna fulminante para a segunda etap
a

Se o primeiro tempo deixou a torcida preocupada, o Grêmio voltou patrolando para a segunda etapa. Antes de completar um minuto, Barcos abriu o placar. Zé Roberto escapou pela esquerda, cruzou na área, Giuliano dividiu e a bola sobrou para o Pirata apenas empurrar para as redes com oportunismo. O 2 a 0 veio aos três minutos, novamente pela esquerda. Dudu cruzou, a bola desviou na zaga, atrapalhou o goleiro Cássio e sobrou para Barcos fulminar o 2 a 0.

Mas o Corinthians respondeu. Aos 10 minutos, Paolo Guerrero foi lançado na área do Grêmio. Ele ia de cara para o gol, mas Grohe se antecipou e pegou nos pés do atacante. Aos 15, Fabio Santos perdeu chance incrível. Ele cabeceou na cara do gol, em cruzamento rasante de Fagner, mas mandou para fora. No lance seguinte, foi inevitável: Fábio Santos lançou Guerrero, que passou fácil por Matías Rodriguez, engatilhou o canhão e chutou no canto esquerdo, sem chances para Marcelo Grohe.

A partir daí, a pressão foi intensa dos visitantes. Marcelo Grohe precisou usar todos os seus reflexos para evitar gol em cabeceio de Anderson, à queima-roupa. Depois, o travessão é que salvou, num chutaço de Ralf. Com os ânimos acirrados, Paolo Guerrero acertou Alán Ruíz com a cabeça e foi expulso. No último minuto, Cássio foi para a área do Grêmio tentar o empate, mas no contragolpe o Tricolor quase ampliou. Dudu e Biteco tiveram a chance de mandar para as redes sem goleiro, mas terminou mesmo 2 a 1.

Brasileirão - 17ª rodada

Grêmio 2
Marcelo Grohe; Matías Rodriguez, Werley, Rhodolfo e Zé Roberto; Felipe Bastos, Ramiro, Giuliano (Alán Ruiz) e Luan (Matheus Biteco); Dudu e Barcos (Walace). Técnico: Felipão.

Corinthians 1
Cassio; Fagner, Gil, Anderson Martins e Fábio Santos (Uendel); Ralf, Elias, Jadson e Lodeiro (Romero); Luciano (Romarinho) e Guerrero. Técnico: Mano Menezes.

Arbitragem: Heber Roberto Lopes (SC), com Kleber Lucio Gil (SC) e Carlos Berkenbrock (SC).
Cartões amarelos: Rhodolfo e Matheus Biteco (G); Anderson Martins, Lodeiro e Elias (C)
Cartão vermelho: Guerrero (C).
Gols: Barcos (1ºT/1min e 3min/2ºT), para o Grêmio; Guerrero (16min/2ºT), para o Corinthians.
Local: Arena do Grêmio.

Bookmark and Share