Correio do Povo

Porto Alegre, 30 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
17º 23º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

25/08/2014 22:27 - Atualizado em 25/08/2014 22:56

Felipão quer “volta da alma e da raça do Grêmio”, conta Rhodolfo

Zagueiro diz que grupo trabalha para voltar ser muito forte em casa, com o torcedor ao seu lado

Zagueiro diz que grupo trabalha para voltar ser muito forte em casa, com o torcedor ao seu lado<br /><b>Crédito: </b> Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação CP
Zagueiro diz que grupo trabalha para voltar ser muito forte em casa, com o torcedor ao seu lado
Crédito: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação CP
Zagueiro diz que grupo trabalha para voltar ser muito forte em casa, com o torcedor ao seu lado
Crédito: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação CP

Os jogadores do Grêmio protagonizaram, recentemente, o desabafo do zagueiro Rhodolfo e a discussão acirrada de Barcos e Fellipe Bastos. Em entrevista à Rádio Guaíba nesta segunda-feira, Rhodolfo explicou que esses momentos mostram indignação para resgatar o espírito do clube. “O Felipão está pedindo muito para voltar a alma e a raça do Grêmio”, destacou o defensor.

Conversas sobre os anos de grandes títulos também entraram na rotina do vestiário gremista. “Ele contou bastante de como era a equipe naqueles tempos”, revelou o zagueiro. “Temos de fazer o Grêmio ser muito forte em casa novamente, trazer a torcida para o nosso lado.”

Quanto ao desabafo, quando esbravejou contra “erros juvenis” do grupo na derrota para o Cruzeiro, Rhodolfo salientou a atitude de cobrança entre cada um dos membros do plantel. “Às vezes precisa contar até dez, mas dentro de campo precisa se cobrar mesmo, procurar acertar”, analisou.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.