Correio do Povo

Porto Alegre, 16 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
15ºC
Amanhã
11º 22º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Inter

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

27/08/2014 19:10 - Atualizado em 27/08/2014 19:11

Roberto Melo descarta Sul-Americana em segundo plano e justifica time misto por desgaste

Inter vai enfrentar o Bahia sem cinco titulares no Beira-Rio

Rafael Moura será poupado no jogo de hoje à noite <br /><b>Crédito: </b> Alexandre Lops / Divulgação / Inter / CP
Rafael Moura será poupado no jogo de hoje à noite
Crédito: Alexandre Lops / Divulgação / Inter / CP
Rafael Moura será poupado no jogo de hoje à noite
Crédito: Alexandre Lops / Divulgação / Inter / CP

O Inter irá enfrentar o Bahia logo mais, às 22h, no Beira-Rio com time misto na estreia da Copa Sul-Americana. Titulares, D’Alessandro, Fabrício, Juan e Rafael Moura sequer concentraram - Wellington Silva está lesionado. Apesar disso, o diretor de futebol colorado Roberto Melo nega que o clube esteja priorizando o Brasileirão. O diretor afirmou que a decisão foi tomada por conta de desgaste apresentado por esses jogadores e garantiu que o clube irá valorizar o torneio continental.“É uma competição importante, que nos tornou campeões de tudo. Damos muita importância e os jogadores sabem disso. Esperamos fazer um grande jogo e conquistar a vitória”, disse Roberto Melo que garantiu que o foco do elenco na competição.

“Tem que ter foco. O Inter entra em toda competição para vencer. É evidente que é difícil manter o mesmo ritmo com jogos quarta e domingo. A gente aqui na ponta do Brasil sofre bastante com as viagens. É uma dificuldade a mais e a gente tem que passar por cima disso. Estamos totalmente focados no jogo desta noite e, quem sabe, encaminhar uma vantagem para o jogo em Salvador”, completou em entrevista à Rádio Guaíba.

Um dos poupados, Rafael Moura foi escolhido pela torcida como vilão nas duas últimas rodadas no Brasileirão. Roberto Melo admite que a ausência da partida será boa para o centroavante ganhar tempo se recuperar. “É favorável na medida de que o Rafael Moura vem de uma sequência desgastante. Ele é um dos jogadores que mais atuou. Fez cirurgia no ano passado e vem numa maratona, é normal que esteja sentindo. Ele também tem a necessidade de ser preservado para voltar em melhores condições”.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.