Porto Alegre, segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

  • 03/09/2014
  • 00:30
  • Atualização: 07:55

Grêmio sofre risco de prejuízo milionário se perder mandos de campo

Multas estipuladas no contrato com a OAS poderiam alcançar R$ 5 milhões

Multas estipuladas no contrato com a OAS poderiam alcançar R$ 5 milhões por falta de torcida na Arena | Foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA / Divulgação / CP

Multas estipuladas no contrato com a OAS poderiam alcançar R$ 5 milhões por falta de torcida na Arena | Foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA / Divulgação / CP

  • Comentários
  • William Lampert/Correio do Povo

Além da enorme perda técnica, o Grêmio pode também ter um gigantesco prejuízo financeiro resultante do julgamento no STJD, a partir das 14h desta quarta-feira, pelo caso de racismo de torcedores gremistas contra o goleiro Aranha. Estipulada no contrato com a OAS, a multa caso o time não atue na Arena é 60% da média da renda bruta nos últimos cinco jogos da mesma competição.

Caso o Grêmio seja excluído da Copa do Brasil no tribunal e cumpra a punição no Brasileirão, o cálculo é simples. Em média, as últimas cinco partidas, contra Bahia, Corinthians, Criciúma, Coritiba e Goiás, renderam R$ 788.438, com R$ 473.063 correspondendo aos 60% citados. Levando em conta a possibilidade de pena máxima, com dez jogos, os prejuízos aos cofres gremistas poderiam alcançar quase R$ 5 milhões.

Na Copa do Brasil, o valor poderia chegar até R$ 850 mil. No caso do torneio, porém, será preciso um entendimento das partes, já que apenas uma partida foi disputada em 2014 – justamente diante do Santos. Poderia ser feita uma média com os três jogos disputados na temporada passada, o que elevaria bastante o valor em virtude das altas rendas. A média na Arena pela Copa do Brasil, contando os dois anos, é de R$ 1.416.041, com 60% correspondendo a R$ 849.624.

Bookmark and Share