Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 03/09/2014
  • 17:28
  • Atualização: 18:04

Enderson Moreira chega ao Santos falando em títulos

Novo treinador também fez elogiou o seu antecessor, Oswaldo de Oliveira

  • Comentários
  • Lancepress

No dia seguinte à demissão de Oswaldo de Oliveira, o Santos apresentou Enderson Moreira, novo comandante da equipe com contrato válido até o fim de 2015. O treinador de 42 anos, de passagem recente pelo Grêmio, já havia comandado o treino da manhã no CT Rei Pelé e falou pela primeira vez à tarde como novo comandante do Peixe. No discurso de apresentação de Enderson, o presidente Odílio Rodrigues precisou explicar mais uma vez os motivos da troca de comando repentina para a sequência do Brasileirão e da Copa do Brasil.

"No plano ideal a gente poder trazer um treinador, fazer contrato longo, permitir que ele faça sua filosofia e a médio e longo prazo as conquistas venham. O mundo real, do jornal que se escreve, do conselheiro e do torcedor, é da pressão. Na realidade você é pautado por resultado. E eles não estavam sendo os desejados. Queremos dar algo mais, com nova esperança para retomar os caminhos da vitória", falou Odílio antes de elogiar o currículo de Enderson e posar ao lado do novo treinador do Santos.

O "algo mais" do Peixe já dirige sua primeira partida neste sábado, às 18h30min, contra o Vitória, no Pacaembu, pela última rodada do primeiro turno do Brasileirão. O treinador já avisou que não deseja fazer grandes alterações em relação ao time que vinha sendo escalado por Oswaldo de Oliveira e até elogiou o trabalho do antecessor. Sem clube há mais de um mês, Enderson assistiu do Mineirão a vitória do Cruzeiro por 3 a 0 sobre o Santos. E gostou do que viu no time paulista.

"Tive oportunidade de ver o Santos contra o Cruzeiro e vi poucas equipes enfrentarem o Cruzeiro com tanta possibilidade de vencer, criando situações claras. Pelo que vi ali, contra o melhor time do país, não tenho dúvida de que a equipe é qualificada. Vejo mistura de experiência com juventude, jogadores que buscam espaço. Um elenco qualificado", afirmou Enderson Moreira, antes de completar a resposta com os objetivos do Santos na sequência da temporada:

"Vamos trabalhar para ter resultados, mas não posso precisar onde vamos chegar. Minha expectativa é que essa equipe possa chegar numa condição importante. Sempre lutamos por título, senão isso por vaga em Libertadores", finalizou.

Bookmark and Share