Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 03/09/2014
  • 22:04
  • Atualização: 22:08

Atlético-PR pressiona até o fim, mas é eliminado pelo América-RN

Vitória de 2 a 0 não foi o suficiente para levar a decisão aos pênaltis

  • Comentários
  • Lancepress

O Atlético-PR recebeu o América-RN na Arena da Baixada com a necessidade de reverter um revés de 3 a 0. O jogo marcou a primeira partida em que os torcedores da equipe puderam comparecer na nova Arena da Baixada, tudo por conta da briga entre torcedores do Atlético-PR e do Vasco, em dezembro de 2013. Apesar do apoio, o Rubro-Negro não conseguiu superar o time de Nata. É a primeira vez que o América-RN chega às quartas-de-final da competição.

A equipe da casa começou pressionando o América-RN no seu campo de defesa. Acionando os laterais para criar as jogadas, os paranaenses abriram o placar logo aos 7 minutos, quando Nathan arriscou de longe e, no desvio, a bola sobrou nos pés de Deivid, que contou com mais um desvio para marcar o primeiro gol. Apesar do começo positivo, o Atlético-PR mostrou nervosismo e pouca organização, sem conseguir criar mais chances na primeira etapa.

No segundo tempo, o time foi para cima do América-RN. Mais uma vez aos 7 minutos, o Atlético-PR teve sua melhor chance em cruzamento de Natanael. Marcelo cabeceou, e o goleiro Andrey salvou. A bola voltou para o atacante, mas o jogador bateu na trave, desperdiçando a oportunidade.

Aos 42 minutos, após aproveitar cruzamento de Paulinho Dias, Marcelo marcou o segundo gol dos mandantes. Quatro minutos depois, o goleiro Andrey salvou a cabeçada do zagueiro Cleberson, evitando o terceiro gol, que levaria a partida para os pênaltis.

Os paranaenses pressionaram, alçaram bola na área, mas sem sucesso para furar o sistema defensivo do América-RN, que garantiu a vaga inédita para as quartas de final da Copa do Brasil.

Bookmark and Share