Porto Alegre, quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

  • 05/09/2014
  • 12:27
  • Atualização: 16:52

Torcedora pede desculpas ao Grêmio e a Aranha

Patrícia Moreira negou que tenha praticado racismo contra o goleiro do Santos

  • Comentários
  • Correio do Povo

A torcedora Patrícia Moreira, suspeita de protagonizar episódio de injúria racial na Arena, pediu desculpas ao Grêmio e ao goleiro do Santos em pronunciamente à imprensa nesta sexta-feira. "Eu quero muito pedir desculpas ao goleiro Aranha. Perdão de coração. Eu não sou racista. Aquela palavra 'macaco' não foi racismo da minha parte", disse chorando. "Foi no calor do jogo, o Grêmio estava perdendo", alegou a torcedora. 

• "Ela perdeu a vida dela", diz advogado de Patrícia Moreira

"O Grêmio é minha paixão. Eu largava tudo para ver o jogo do Grêmio", justificou a jovem de 23 anos. "Peço desculpas ao Grêmio e à nação tricolor. Nunca queria prejudicar o Grêmio", lamentou. "Eu amo o Grêmio. Desculpas para o Aranha. Perdão, perdão, perdão mesmo", encerrou.

Em depoimento à polícia nessa quinta-feira, Patrícia Moreira admitiu que proferiu ofensas racistas, mas negou que as palavras tenham sido dirigidas ao goleiro Aranha. Conforme Patrícia, ela foi no "embalo da torcida", que também gritava a palavra "macaco".

Bookmark and Share


TAGS » Grêmio, Futebol, Esporte