Correio do Povo | Notícias | Palmeiras sofre empate para o Botafogo na estreia do Brasileirão

Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 26 de Abril de 2018

  • 16/04/2018
  • 22:41
  • Atualização: 22:53

Palmeiras sofre empate para o Botafogo na estreia do Brasileirão

Verdão teve terceiro revés seguido em jogos importantes com 1 a 1 no Rio de Janeiro

Verdão teve terceiro revés seguido em jogos importantes com 1 a 1 no Rio de Janeiro | Foto: Cesar Greco / Agência Palmeiras / Divulgação CP

Verdão teve terceiro revés seguido em jogos importantes com 1 a 1 no Rio de Janeiro | Foto: Cesar Greco / Agência Palmeiras / Divulgação CP

  • Comentários
  • AE

O Palmeiras registrou o terceiro tropeço em jogos importantes, nesta segunda-feira. Depois de ceder vantagens contra Corinthians e Boca Juniors, foi vítima do Botafogo, na estreia no Brasilo, dentro do Engenhão. Os times só começaram para valer no Brasileiro segundo tempo. Antes disso, o ritmo lento e a falta da inspiração predominaram.

As conversas no intervalo transformaram a partida e fizeram os times ousarem mais. O erro do time foi não aproveitar o momento de vantagem. Foram quase 30 minutos com o 1 a 0 favorável e chances de contra-ataques para definir.

O Palmeiras não pode contar com Borja. O colombiano sente dores no joelho direito, foi poupado e deu a Willian no comando do ataque. A dúvida era se isso traria mais movimentação ao setor ofensivo ou menos poder de finalização. O problema é que a bola mal chegou, pois faltava criatividade para ir além de uma posse de bola inútil e de passes laterais.

A equipe quase abriu o placar logo aos 5 minutos, com Willian, de cabeça. Gatito Fernandez fez ótima defesa com a perna. No primeiro tempo o time só chegou com perigo mais uma vez, com nova infiltração pelo lado esquerdo, onde Keno conseguia incomodar. O Botafogo ameaçou com chutes de fora da área e alguns cruzamentos, mas também demonstrou futebol pobre no primeiro tempo.

O técnico Roger Machado identificou o problema na criação e mudou o time no intervalo, com a entrada de Guerra na vaga de Lucas Lima. O venezuelano entrou e em das primeiras jogadas, recebeu de Dudu para fazer 1 a 0, aos oito minutos do segundo tempo.

A vantagem transformou de vez a partida. O técnico Alberto Valentim, ex-comandante do Palmeiras, o Botafogo respondeu ao gol com duas substituições. De tanto insistir, o empate veio aos 36 minutos, com Igor Rabello. O zagueiro 'furou' um chute e na segunda chance, completou para o gol para fazer 1 a 1.