Porto Alegre

20ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 22 de Outubro de 2017

  • 21/09/2017
  • 21:11
  • Atualização: 22:40

River Plate humilha Jorge Wilstermann e está na semifinal da Libertadores

Argentinos aplicaram 8 a 0 com requintes de crueldade para reverter derrota no jogo de ida

Argentinos aplicaram 8 a 0 com requintes de crueldade para reverter derrota no jogo de ida | Foto: Juan Mabromata / AFP / CP

Argentinos aplicaram 8 a 0 com requintes de crueldade para reverter derrota no jogo de ida | Foto: Juan Mabromata / AFP / CP

  • Comentários
  • AE

O River Plate se vingou do Jorge Wilstermann com requintes de crueldade, nesta quinta-feira. Aplicou uma das maiores goleadas da história da Libertadores, por 8 a 0, e está na semifinal da competição.

Em desvantagem de 3 a 0 no jogo de ida, os argentinos ignoraram completamente a pressão. Com a torcida empurrando no Monumental de Nuñez, Scocco e companhia atropelaram os bolivianos. Foram dois gols logo nos primeiros minutos e o 3 a 0 já igualava o placar da partida de ia antes dos 20 da etapa inicial.

Os adversários não conseguiram em momento algum entrar no jogo e, praticamente, observaram os donos da casa empilhando gols. O placar de 3 a 0 ainda não era suficiente para levar o River às semifinais, mas a equipe da casa, apoiada pela sua barulhenta torcida, ampliou para 4 a 0 ainda na etapa inicial, com um gol de Enzo Pérez.

Atordoados em campo, os jogadores do time boliviano levaram o quinto gol antes do primeiro minuto do segundo tempo, mais uma vez com o inspirado Ignacio Scocco balançando as redes. Pouco depois, aos 7, Ignacio Fernández já marcou o sexto do River, que veria a atuação de gala de Scocco ser coroada aos 12 minutos com mais um gol. Enzo Pérez ainda fez mais aos 22 minutos para decretar o humilhante 8 a 0.

O placar poderia ter sido ainda maior, pois o River criou novas chances de gol e foi altamente dominante até o final da partida, mas a festa da sua torcida já estava mais do que garantida. O River se tornou o terceiro time classificado às semifinais desta Libertadores. Os outros dois são o Grêmio e o Barcelona de Guayaquil, que venceram Botafogo e Santos, respectivamente, por 1 a 0, nos confrontos de volta das quartas de final, na quarta-feira.