Porto Alegre

16ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 22 de Outubro de 2017

  • 22/09/2017
  • 17:08
  • Atualização: 17:12

Carli projeta volta do Botafogo à Libertadores e nega falha de companheiro na Arena

Clube carioca luta por vaga no G6 do Brasileirão

Botafogo foi eliminado pelo Grêmio com gol de Barrios | Foto: Ricardo Giusti

Botafogo foi eliminado pelo Grêmio com gol de Barrios | Foto: Ricardo Giusti

  • Comentários
  • AE

O elenco do Botafogo ainda está com a Copa Libertadores muito viva em sua memória. Eliminado pelo Grêmio com a derrota por 1 a 0 sofrida na última quarta-feira, em Porto Alegre, no confronto de volta das quartas de final, o time ao mesmo tempo já projeta o seu retorno ao torneio e, para isso, mira o objetivo de terminar o Campeonato Brasileiro entre os seis primeiros colocados.

A equipe voltará a jogar pelo Brasileirão neste domingo, contra o Coritiba, no Couto Pereira, na capital paranaense, onde espera conquistar um bom resultado e entrar no G6 da tabela de classificação. Ao abordar este objetivo, o zagueiro Joel Carli exaltou nesta sexta-feira, em entrevista coletiva, a importância de o time voltar a disputar a Libertadores em 2018, assim como mostrou ainda estar abalado com a eliminação sofrida diante do Grêmio.

"Hoje estamos pensando em voltar a competir a Libertadores do ano que vem e para isso temos que pensar jogo a jogo. Agora é pensar no Coritiba. Depois de uma derrota fica essa tristeza, mas com a sensação de ter feito um bom jogo. Acho que merecíamos algo maior, mas faz parte do futebol. Agora já começamos a pensar no jogo contra o Coritiba", afirmou o defensor argentino.

Um dos principais líderes do atual elenco do Botafogo, Carli também destacou nesta sexta que o time foi eliminado "nos detalhes" desta Libertadores e defendeu o companheiro de equipe Matheus Fernandes, que ele nega que tenha falhado no lance do gol de Barrios.

"O Barrios não entrou sozinho (desmarcado), o Matheus estava com ele. E por características, o Barrios é um jogador forte no jogo aéreo. Acontece, a gente (Carli e Igor Rabello) ficou na marcação de dois zagueiros na primeira bola, infelizmente aconteceu (o cruzamento) no segundo pau", afirmou o zagueiro argentino, que também exaltou a boa campanha realizada pelo Botafogo nesta Libertadores.

"O Botafogo sempre é desacreditado. Acho que na pré-libertadores fizemos um campeonato muito bom, deixando campeões (Colo-Colo e Olimpia) para trás. Depois veio uma fase de grupos com muitas equipes fortes. O Botafogo fez um jogo equilibrado na primeira partida contra o Grêmio, foi bem no primeiro tempoe por um detalhe ficamos de fora. Chegamos no hotel e fomos recebidos pelos nossos torcedores. Isso nos conforta. Lutamos muito e honramos a camisa do Botafogo. Esse grupo fez isso e queremos mais. Vamos brigar novamente pela vaga na Libertadores", enfatizou.

O Botafogo é o atual sétimo colocado do Brasileirão, com 37 pontos, mesma pontuação do Cruzeiro, o sexto por causa dos critérios de desempate. Desta forma, o time carioca está na briga direta por vaga na próxima Libertadores. "Somos time grande e sempre temos a obrigação de brigar por coisas grandes, inclusive por essa vaga na Libertadores", projetou Carli.