Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018

  • 11/01/2018
  • 19:39
  • Atualização: 19:45

Jean Pyerre admite preferência por jogar como volante

Garoto vem treinando mais recuado no começo da pré-temporada do Grêmio

Grupo de transição segue na pré-temporada no CT Luiz Carvalho | Foto: Rodrigo Fatturi / Grêmio / Divulgação / CP

Grupo de transição segue na pré-temporada no CT Luiz Carvalho | Foto: Rodrigo Fatturi / Grêmio / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Após se destacar nos jogos finais do Campeonato Brasileiro atuando como meia, Jean Pyerre tem treinado como volante no começo da pré-temporada do Grêmio sob o comando do técnico Cesar Bueno. Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, o garoto revelou que tem preferência por jogar mais recuado.

“A gente sempre quer jogar independente da posição, mas eu prefiro vir com a bola de trás. Gosto de fazer o jogo andar e estar sempre por trás da bola. Prefiro isso que pegar a bola de costas. Vir de trás é melhor, mas não tem problema nenhum se tiver de jogar de meia”, disse Patrick, que lembrou que iniciou como volante na base do Grêmio.

“Comecei como segundo volante, saindo com a bola de trás lá na base. A partir dos 16 anos que comecei a jogar mais de meia. Quando joguei de meia foi sempre uma forma diferente de como joga o Luan, por exemplo. Foi sempre por trás da bola. Não sou um meia de entrar muito na área. Gosto de fazer o jogo andar. Penso que de segundo volante ajuda bastante isso”, completou.

Na função de volante, Jean Pyerre reconhece que ainda precisa melhorar alguns fundamentos. “Sempre falam comigo a questão de intensidade e marcação. São coisas que trabalho desde a base e sei que devo melhorar. O pessoal vem me ajudando bastante”, afirmou.

O Grêmio realiza nesta sexta-feira o segundo jogo-treino da pré-temporada diante do Avenida, às 16h, no CT Luiz Carvalho. Jean Pyerre tem alternado entre a equipe titular e a reserva nos treinamentos. Ele destacou que, independente de iniciar o trabalho no time de cima, o objetivo é aproveitar a oportunidade no momento que surgir.

“Ele (Cesar Bueno) fez dois times mesclados e não tem nada definido ainda. Temos um amistoso e amanhã pode ter um esboço. Ele apenas tem mostrado o posicionamento do que eu deveria fazer dentro de campo. São oportunidades. Indo bem nesses jogos que teremos, talvez nos dê a chance de estar no grupo junto com os profissionais quando eles se apresentarem”, projetou.


TAGS » Grêmio, Futebol, Esporte