Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

  • 12/07/2017
  • 16:58
  • Atualização: 17:36

Árbitro não cita acusação de racismo em súmula de Ceará x Inter

Atacante Elton afirmou ter sido chamado de “macaco” por Victor Cuesta

Caso de racismo não foi citado em súmula | Foto: Lucas Moraes / Ceará / Divulgação / CP

Caso de racismo não foi citado em súmula | Foto: Lucas Moraes / Ceará / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O árbitro Leandro Bizzio Marinho não citou na súmula da partida entre Inter e Ceará a acusação de racismo feita pelo atacante Elton sobre o zagueiro Victor Cuesta. O documento foi divulgado na tarde desta quarta no site da CBF.

Na súmula, Leandro Marinho justifica os cartões amarelos dados a Victor Cuesta e Elton por “troca de empurrões”. Mesmo sem ter visto o lance no momento, o árbitro pode anexar uma citação de algo que viu pela televisão ou foi avisado por um auxiliar posteriormente.

O suposto caso de injúria racial teria ocorrido em um lance no segundo tempo. As câmeras de televisão mostram apenas Cuesta e Elton próximos, quando o árbitro Leandro Marinho apita e amarela os dois jogadores. O atacante do Ceará é contido por jogadores do Inter, entre eles o goleiro Danilo Fernandes, enquanto Cuesta também é segurado por outros atletas.

Elton afirmou logo após a partida ter sido chamado de macaco. Victor Cuesta não se pronunciou sobre o caso. O vice de futebol Roberto Melo, no entanto, afirmou que o argentino negou ter cometido o ato de injúria. 

Confira a súmula da partida: