Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 07/07/2014
  • 10:20
  • Atualização: 10:30

Funcionários do Hospital São Pedro protestam contra transferência de pacientes

Doentes que moram há 20 anos no local têm vínculo afetivo com cuidadores

  • Comentários
  • Vitória Famer / Rádio Guaíba

Os funcionários do Hospital Psiquiátrico São Pedro protestaram na manhã desta segunda-feira em frente à instituição - que fica na avenida Bento Gonçalves, zona Leste de Porto Alegre -  contra a transferência de 30 pacientes para outras casas de tratamento.

O Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) aponta que o objetivo da administração do hospital é transformar a área da Unidade Matilde em setor administrativo. Conforme a curadora do hospital, Gislaine Alves, as outras casas não apresentam profissionais suficientes para atender os pacientes. Além disso, alguns moradores já residem há 20 anos no São Pedro e apresentam vínculo afetivo com os cuidadores. A curadora aponta que “está ocorrendo um claro desmontamento do hospital” psiquiátrico.

A curadora informa ainda que há ampliação de mortes nas outras casas de tratamento. Segundo Gislaine, 3% dos pacientes que seguiram tratamento tradicional no São Pedro morreram. Já nas demais instituições, os óbitos chegam a 12%.

A reportagem tentou contato com a assessoria de imprensa do hospital, que é vinculado à Secretaria Estadual de Saúde, mas ainda não obteve retorno.

Bookmark and Share


TAGS » Saúde, Hospital, Geral