Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 08/07/2014
  • 20:41
  • Atualização: 21:17

Quatro capitais registram vandalismo e confusão após derrota do Brasil

Em Belo Horizonte, cinco pessoas foram presas, enquanto Curitiba e São Paulo tiveram ônibus queimados

São Paulo teve ônibus queimados e loja saqueada | Foto: Marco Ambrosio/Folhapress/CP

São Paulo teve ônibus queimados e loja saqueada | Foto: Marco Ambrosio/Folhapress/CP

  • Comentários
  • AE

O pós-jogo de Brasil e Alemanha teve registro de confusões em Belo Horizonte, Curitiba, Brasília e São Paulo, com a derrota da Seleção por 7 a 1. Na capital mineira, pelo menos cinco pessoas foram detidas nesta terça-feira, depois da partida no estádio do Mineirão. De acordo com informações da Polícia Militar, quatro pessoas foram presas por queimarem uma bandeira do Brasil ainda no intervalo da partida, o que é crime. Um torcedor foi preso por desacatar policiais ao fim do jogo.

Na Savassi, principal ponto de encontro de torcedores ao longo de toda a Copa do Mundo na cidade, houve princípios de quebra-quebra e garrafas quebradas. Alguns torcedores, com ânimos mais acirrados, atiraram pedras na PM, o que fez com que a corporação reforçasse o efetivo nas imediações. Porém a região já estava vazia antes mesmo do apito final.

Em Curitiba, três ônibus foram incendiados e outros depredados logo após a derrota brasileira. Vândalos atuaram na capital paranaense e também na região metropolitana. São Paulo, por sua vez, teve saque a uma loja de eletrodomésticos e dois coletivos incendiados.

Em Brasília, a Polícia Militar do Distrito Federal prendeu nesta terça um homem que quebrou um televisor da Rodoviária do Plano Piloto. o envolvido nesse caso está detido na 2ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte. A ocorrência está em andamento. A Fan Fest do Rio de Janeiro teve sete prisões, mas a Polícia Militar informou que as detenções foram por furtos. Conforme a PM, não houve registro de tumultos, violência ou quebra-quebra.

Bookmark and Share


TAGS » Polícia, Copa 2014