Correio do Povo

Porto Alegre, 16 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
12ºC
Amanhã
14º 23º


Faça sua Busca


Notícias > Política

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

09/07/2014 14:15

Desembargadora gaúcha é indicada para o TST

Maria Helena Mallmann deve ocupar a vaga do ministro Carlos Alberto Reis de Paula, que se aposentou

A desembargadora Maria Helena Mallmann, do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT4/RS), foi indicada pela presidente Dilma Rousseff para o cargo de ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST). A indicação foi publicada na edição desta quarta-feira do Diário Oficial da União. A magistrada gaúcha ainda deverá passar por sabatina na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado. Sendo aprovada, seu nome seguirá para apreciação do Plenário do Senado. Havendo nova confirmação, a desembargadora será nomeada pela presidente.

Maria Helena foi indicada para a vaga do ministro Carlos Alberto Reis de Paula, que se aposentou. A desembargadora é natural de Estrela e graduada em Direito pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Ingressou na magistratura do Trabalho da 4ª Região em 1981. Foi promovida a presidente de Junta de Conciliação e Julgamento (antiga denominação das Varas do Trabalho) em agosto de 1986. Atuou nos municípios de Bagé, Pelotas, Santa Cruz do Sul, São Jerônimo, Osório, Novo Hamburgo, Sapucaia do Sul e Porto Alegre.

Em 2001, foi promovida a desembargadora do TRT4/RS, do qual foi vice-presidente (2009-2011) e presidente (2011-2013). A magistrada exerceu, ainda, a vice-presidência e a presidência da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 4ª Região (Amatra IV) e da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra).

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.