Correio do Povo

Porto Alegre, 30 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
14º 21º


Faça sua Busca


Notícias > Política > Senado

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

15/07/2014 18:53 - Atualizado em 15/07/2014 18:54

Réu no caso do mensalão mineiro, Clésio Andrade renuncia ao mandato no Senado

Senador apresentou laudo médico que atesta problema de saúde

Senador apresentou laudo médico que atesta problema de saúde<br /><b>Crédito: </b> Marcello Casal Jr / ABr / CP
Senador apresentou laudo médico que atesta problema de saúde
Crédito: Marcello Casal Jr / ABr / CP
Senador apresentou laudo médico que atesta problema de saúde
Crédito: Marcello Casal Jr / ABr / CP

O senador Clésio Andrade (PMDB-MG) entregou nesta terça-feira à mesa diretora do Senado sua carta de renúncia ao mandato. O documento foi lido oficialmente durante a sessão desta tarde pelo primeiro vice-presidente da Casa, senador Jorge Viana (PT-AC).

“Faço-o por motivo de acometimento de problemas de saúde que acarretarão procedimentos e tratamentos que se estenderão pelo tempo que resta de meu mandato”, diz o documento. O mandato de Clésio Andrade terminaria no fim deste ano.

O senador esclareceu ainda que não quis tirar licença médica de 120 dias, conforme é permitido aos parlamentares, porque acarretaria “prejuízo ao Erário o recebimento sem o respectivo desempenho das funções”.

“Renuncio ao meu mandato de senador da República pelo estado de Minas Gerais, agradecendo ao povo mineiro e aos senadores desta Casa, com a certeza de dever cumprido e de que deixo este mandato a cargo de uma pessoa preparada para assumi-lo”, finaliza a carta.

O documento foi entregue junto com o laudo médico que atesta o problema de saúde. A renúncia será publicada no Diário do Senado.

Andrade é réu na Ação Penal 606, chamada de mensalão mineiro, sobre esquema de corrupção no governo de Minas Gerais na gestão do ex-governador Eduardo Azeredo.

Com a renúncia, é provável que o processo de Andrade volte para a primeira instância, assim como ocorreu com Azeredo, que renunciou ao mandato de deputado em fevereiro deste ano. No entanto, a questão ainda será decidida pelo Supremo Tribunal Federal.

A vaga de Clésio Andrade será ocupada pelo suplente do senador, Antônio Aureliano Sanches de Mendonça, filho do ex-vice-presidente da República Antônio Aureliano Chaves de Mendonça.

Bookmark and Share

Fonte: Agência Brasil






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.