Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 15/07/2014
  • 20:18
  • Atualização: 20:26

Procuradoria Regional Eleitoral impugna sete candidaturas no RS

Candidatos serão julgados pelo TRE em agosto e poderão recorrer ao TSE

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Procuradoria Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (PRE-RS) impugnou sete candidaturas no Estado: Sérgio Camps de Morais, do PPS, que concorre como segundo suplente da chapa de Beto Albuquerque, do PSB; Antônio Valdeci Oliveira de Oliveira, candidato a deputado estadual pelo PT; Élio Melvin Jones do Amaral, candidato estadual do PSD; Ségio Luís Stasinski, candidato estadual do PV; Fabio Josue Leote Rocha, candidato a deputado federal pelo PEN; Flávio Percio Zacher, candidato a deputado federal pelo PDT; e Valdir Severo Borin, candidato a deputado estadual pelo PV. Eles terão seus casos julgados em agosto.

O candidato que tiver o registro indeferido pelo TRE pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral e, enquanto aguarda o novo julgamento, continuar a campanha. A lista foi revelada após procuradores e servidores da instituição analisaram nos últimos cincos dias os 1.055 nomes da lista divulgada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em 10 de julho.

Todos foram examinados com base na Lei das Inelegibilidades (LC 64/90), alterada pela Lei da Ficha Limpa (LC 135/10), e em informações obtidas de fontes como o TRE-RS, o Tribunal de Justiça gaúcho, o Tribunal de Contas do Estado, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região, o Tribunal de Contas da União e conselhos regionais profissionais.

Bookmark and Share