Correio do Povo

Porto Alegre, 1 de Outubro de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
13º 20º


Faça sua Busca


Notícias > Geral > Saúde

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

25/07/2014 13:56 - Atualizado em 25/07/2014 14:24

Frio agrava situação das emergências dos hospitais de Porto Alegre

Setor do Clínicas, São Lucas, Conceição e Santa Casa operam acima da capacidade

Setor do Clínicas, São Lucas, Conceição e Santa Casa operam acima da capacidade<br /><b>Crédito: </b> Tarsila Pereira
Setor do Clínicas, São Lucas, Conceição e Santa Casa operam acima da capacidade
Crédito: Tarsila Pereira
Setor do Clínicas, São Lucas, Conceição e Santa Casa operam acima da capacidade
Crédito: Tarsila Pereira

Os setores de emergência dos hospitais da Capital obtiveram um número alarmante de atendimento durante esta semana. O movimento de pacientes em algumas instituições chegou a registrar o triplo da capacidade de vagas das mesmas. Com a chegada do frio, a perspectiva é de que a situação se agrave.

A emergência do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) atende apenas casos com risco de morte ou pacientes que chegam a instituição através das ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Nas últimas semanas, a superlotação do setor no HCPA tem ocorrido com frequência. O hospital tem atendido entre 120 e 140 adultos por dia, enquanto há somente 41 leitos disponíveis.

No Hospital São Lucas, da Pontifícia Universidade Católica (Pucrs), a situação não é muito diferente. A emergência do hospital atendia 35 adultos em um setor com 13 leitos, enquanto as consultas pediátricas estavam abaixo da capacidade. Mesmo com o número de atendimentos, a instituição estava recebendo novos casos.

O fluxo de pacientes do Hospital Conceição também está acima do normal. Nesta semana a emergência do hospital tem atendido cerca de 50% acima da sua capacidade. A instituição conta com 64 leitos. Já no Hospital da Criança Conceição as consultas ocorrem com normalidade. No Santa Clara, que atende emergências do Sistema Único de Saúde (Sus), a instituição recebia 40 pessoas em um setor com 26 leitos. No Dom Vicente Scherer, onde são atendidos os convênios, 24 pessoas eram atendidas, enquanto há 14 leitos disponíveis no local.

Bookmark and Share

Fonte: Marco Aurélio Ruas / Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.