Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 29/07/2014
  • 18:12
  • Atualização: 18:13

Canoas espera inaugurar aeromóvel em 2016

Licitação para primeira etapa da obra deve ser aberta até o fim de setembro

  • Comentários
  • Ananda Müller/Rádio Guaíba

O município de Canoas, na região Metropolitana, deve ser o primeiro do País a implantar o serviço de aeromóvel como alternativa para o transporte coletivo já em 2016. A licitação para a obra, através de Regime Diferenciado de Contratações (RDC), deve ser aberta até o fim de setembro. As obras da primeira etapa devem levar cerca de 18 meses.

O trecho 1 consiste em seis quilômetros de trajeto. Para isso, já foram captados R$ 272 milhões captados através do Programa de Aceleração do Crescimento Mobilidade (PAC). No total, o investimento para os 15 quilômetros de extensão do aeromóvel e das 25 estações deve girar em torno de R$ 800 milhões, sendo a maior parte desse valor captada através do Ministério das Cidades. A prefeitura também vai buscar parcerias público-privadas para garantir a execução da obra.

Além disso, outros R$ 9 milhões estão sendo esperados para custear os estudos e projetos necessários para viabilizar os trechos 2 e 3 do aeromóvel, e a prefeitura busca formas de agilizar a execução das etapas 2 e 3 de forma concomitante, para que todo o trajeto possa entrar em operação dentro de dois anos. A estimativa é de que cerca de 12 a 13 mil passageiros sejam transportados por hora em cada trajeto percorrido.

Hoje, a demanda da cidade gira em torno de 13,5 mil passageiros no período e trecho a ser atendido pelo aeromóvel. Estudos de viabilidade técnica sugerem, inclusive, uma capacidade ainda superior a essa, de até 21 mil passageiros no mesmo espaço de tempo e percurso.

Bookmark and Share