Correio do Povo

Porto Alegre, 17 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
11ºC
Amanhã
14º 23º


Faça sua Busca


Notícias > Polícia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

02/08/2014 08:29 - Atualizado em 02/08/2014 12:39

Dez pessoas são presas durante operação de segurança no transporte público da Capital

Ações tem sido intensificadas após protestos da categoria

Onibus da Região Metropolitana também foram abordados<br /><b>Crédito: </b> Divulgação Brigada Militar / CP
Onibus da Região Metropolitana também foram abordados
Crédito: Divulgação Brigada Militar / CP
Onibus da Região Metropolitana também foram abordados
Crédito: Divulgação Brigada Militar / CP

A Brigada Militar prendeu dez pessoas entre a noite nessa sexta-feira e a madrugada deste sábado em Porto Alegre, durante a Operação Transporte Seguro Especial. Dos dez presos, dois eram foragidos da Justiça. No total, mais de três mil pessoas foram revistadas em 201 ônibus, 23 lotações, 68 táxis e outros 20 carros. Armas, munições e pequenas quantidades de drogas também foram apreendidos pela Brigada Militar.

A ação realizada em diferentes pontos da Capital, teve como objetivo ampliar a segurança de tripulantes e passageiros nos coletivos. As abordagens foram intensificadas após os rodoviários terem protestado por mais segurança. A Brigada Militar reforça que as ações também visam diminuir os índices de roubo e furto de carros eo tráfico de drogas.

Além dos coletivos de Porto Alegre, ônibus vindos de cidades da região Metropolitana também foram abordados. As batidas foram intensificadas nas avenidas Protásio Alves, Baltazar de Oliveira Garcia e Bento Gonçalves.

Bookmark and Share


Fonte: Lucas Rivas / Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.