Porto Alegre, quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

  • 04/08/2014
  • 18:53

TRE nega candidatura do PMN ao governo do Estado

João Carlos Mendonça pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

O candidato ao governo do Estado, João Carlos Mendonça Rodrigues, do PMN, teve negada a candidatura nesta segunda-feira pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Mendonça não prestou contas da campanha anterior, quando na época, concorria ao cargo de vice-governador pelo PTC. Cabe recurso da sentença no Tribunal Superior Eleitoral. Diante da rigidez da legislação, porém, é remota a possibilidade de que o PMN reverta a medida. Todos os outros sete concorrentes ao Piratini já tiveram aprovado o pedido de candidatura.

Outros 23 processos de registro foram julgados pelo Pleno da Corte. Foi aprovada a chapa ao Senado da Frente de Esquerda (PSOL/PSTU), composta por Julio Flores e os dois suplentes, Abel Moacir Burgdurff de Moraes e Denior José Machado. Em relação aos pedidos de concorrentes às eleições proporcionais, o TRE aceitou 13 registros, sendo dez para concorrentes à Assembleia Legislativa e três ao Congresso Nacional. Foram negados, porém, mais cinco pedidos de candidatos a deputado estadual e dois de deputado federal.

O TRE já julgou 1.023 pedidos de registro de candidaturas, de um total de 1.068.

Bookmark and Share