Porto Alegre, domingo, 23 de Novembro de 2014

  • 05/08/2014
  • 12:17
  • Atualização: 12:35

Delegado pede prisão preventiva de pai que abandonou filho após colisão

Homem de 39 anos e menino de 12 anos se envolveram em dois acidentes na ERS 149

  • Comentários
  • Renato Oliveira / Correio do Povo

O titular da Delegacia de Polícia (DP) de Faxinal do Soturno, delegado Gabriel Zanella, solicitou à Justiça, nesta terça-feira, a prisão preventiva do homem de 39 anos que teria abandonado o filho de 12 anos após colisão na ERS 139  na região central do Estado. Segundo Zanella, o pai - que ainda não se apresentou à polícia - não está colaborando com a investigação. O homem pode responder por lesão corporal dolosa (com intenção) e omissão de socorro.

Conforme o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), no domingo à tarde pai e filho estavam em uma Parati, que no primeiro momento saiu da pista na ERS 149 e mais tarde colidiu contra um Gol no km 149 da rodovia. Conforme o relato do sargento do Grupo de Polícia Militar de Nova Palma Juarez Maia, o primeiro acidente ocorreu às 16h30min, no trajeto para Faxinal do Soturno. "O menino era quem estava dirigindo no primeiro momento e se perdeu em uma curva. Eles caíram em um barranco e, logo após o acidente, um grupo de populares, incluindo o motorista do Gol, ajudou no resgate de pai e filho e colocou a Parati novamente na pista", relatou em entrevista ao site do Correio do Povo.

Segundo Maia, a partir daí, quem assumiu a direção foi o pai, que resolveu seguir no sentido oposto, saindo de Faxinal do Soturno e seguindo para Nova Palma. Pouco tempo depois, o motorista decidiu voltar para o caminho anterior e sofreu o segundo acidente. Desta vez, colidiu contra o condutor do Gol que tinha ajudado no resgate.

De acordo com os policiais rodoviários, a Parati teria cortado a frente do Gol e caído no mesmo barranco do primeiro acidente. Neste momento, segundo os policiais militares, o pai abandonou o filho, que ficou preso às ferragens em estado grave. O homem não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH), e o veículo não estava licenciado. A criança, de 12 anos, foi encaminhada ao Hospital São Roque, e depois para o Universitário de Santa Maria.

Bookmark and Share


TAGS » Acidente, Polícia