Porto Alegre, sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

  • 06/08/2014
  • 20:46
  • Atualização: 20:53

Justiça solta quatro réus que não foram levados às audiências pela Susepe

Dois respondiam por assalto a pedestre e os outros por furto qualificado

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

Quatro réus com prisão provisória tiveram a soltura determinada, em Caxias do Sul, depois que a Superintendência dos Serviços Penitenciários do Rio Grande do Sul (Susepe) não os apresentou em audiências, pela segunda vez. Em um dos processos, os dois réus liberados respondem por assalto a pedestre. Os outros dois, cuja soltura também foi determinada, respondem por furto qualificado, por arrombamento.

Os quatro réus haviam sido presos em flagrante no início de maio. Por não serem apresentados pela segunda vez, o juiz João Paulo Bernstein, da 4ª Vara Criminal de Caxias do Sul, entendeu que houve inviabilização da instrução do processo e da possibilidade de manutenção da custódia cautelar do quarteto.

O Ministério Público, representado pela promotora Adriana Cruz da Silva, requereu um pedido de explicações e de providências à Susepe e à Secretaria da Segurança Pública, atendido pelo juiz. Por enquanto, a Susepe informou à Justiça que a falta é decorrente da carência de efetivo para conduzir presos provisórios a audiências de instrução.

Bookmark and Share