Correio do Povo

Porto Alegre, 17 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
13ºC
Amanhã
18º 26º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

11/08/2014 09:46 - Atualizado em 11/08/2014 09:54

Técnico em radiologia é suspeito de filmar mulheres trocando de roupa

Câmeras eram escondidas até nos ralos dos banheiros usados pelas pacientes no interior de São Paulo

Um técnico em radiologia, de 50 anos, de Sorocaba, interior de São Paulo, é acusado de usar câmeras escondidas para filmar mulheres e adolescentes enquanto trocavam de roupa para os exames nas clínicas em que trabalhava. Ele está preso desde sexta-feira.

A ação do criminoso, foi denunciada pela ex-mulher. As câmeras eram escondidas até nos ralos dos banheiros usados pelas pacientes para a troca de roupa.

Os vídeos e CDs com as imagens foram encontrados num porão com entrada secreta, na casa dele. De acordo com a delegada Ana Luíza Salomone, que investiga os crimes, o acusado fez as filmagens em todas as clínicas em que trabalhou nos últimos dez anos, em cidades como Sorocaba, Itapetininga, São Roque e São Paulo. Quando foi preso, ele atendia numa clínica de Barueri, na Grande São Paulo. Entre as vítimas, estão adolescentes e crianças.

Nascido em Lima, no Peru, o técnico está no Brasil há mais de 20 anos e também já trabalhou nas áreas de tomografia e ressonância magnética. O homem a alegou à polícia que as imagens foram feitas por outros funcionários e ele apenas as guardou.

Ele foi levado para a cadeia pública de Pilar do Sul e terá pedida a prisão preventiva. A delegada quer apurar se as imagens foram distribuídas ou fornecidas a redes de pedofilia.  Os donos das clínicas onde ele trabalhou serão intimados para prestar depoimento.

Bookmark and Share


Fonte: AE





» Tags:São Paulo Geral

O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.