Porto Alegre, sábado, 20 de Dezembro de 2014

  • 13/08/2014
  • 08:52
  • Atualização: 11:05

Rede de supermercados gaúcha é investigada por sonegar R$ 260 milhões

Receita Federal deflagrou operação "Blindagem de Papel" na região Metropolitana

  • Comentários
  • Vitória Famer / Rádio Guaíba

A Receita Federal deflagrou nesta quarta-feira, com apoio da Polícia Federal, a operação "Blindagem de Papel" em Guaíba, na região Metropolitana. Junto com a Procuradoria da Fazenda Nacional, desde 2012 uma rede de supermercados é investigada por deixar de pagar R$ 260 milhões em tributos federais, nas esferas administrativa e judicial.

O esquema utilizado pela rede de supermercados consistia no desvio de lucro para outras empresas - controladas por "laranjas" - e integrantes da família proprietária da rede.

A ofensiva ocorre em quatro cidades da região Metropolitana. A vara da Justiça Federal de Gravataí concedeu as ordens de busca e apreensão, além do bloqueio dos imóveis vinculados às empresas investigadas e pessoas físicas. 

“A rede cria empresas de fachada, que é uma forma de transferir recursos. A gente não consegue fazer bloqueio de uma conta bancária, porque não tem dinheiro, só em nome de terceiros”, explicou o superintendente da Receita Federal no Estado, Ademir Gomes.

O superintendente informou que o esquema apurado ocorria dentro da família proprietária da rede, mas a Receita quer investigar se há mais pessoas envolvidas. “Com os documentos apreendidos, a gente quer ver a extensão”, relatou Gomes. 


Receita Federal deflagrou operação "Blindagem de Papel" na região Metropolitana / Foto: André Ávila 

Bookmark and Share