Porto Alegre, sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

  • 20/08/2014
  • 16:39
  • Atualização: 18:29

Carris reforçará segurança com quatro câmeras em cada um dos 371 ônibus

Edital vai ser lançado no fim do mês, mas empresa vai ter 150 dias para concluir instalação

Cada ônibus receberá quatro câmeras | Foto: Fernanda Leal / Divulgação PMPA / CP

Cada ônibus receberá quatro câmeras | Foto: Fernanda Leal / Divulgação PMPA / CP

  • Comentários
  • Lucas Rivas/Rádio Guaíba

A Companhia Carris Porto Alegrense (Carris) vai abrir processo licitatório para instalar 1.484 câmeras de segurança no interior dos coletivos para aumentar a segurança de passageiros e funcionários da empresa. Os equipamentos, porém, só devem estar funcionando em janeiro de 2015.

Em 29 de agosto, ocorre o pregão presencial para contratar a empresa que vai instalar as câmeras. Depois, a Prefeitura abre um prazo de três dias para questionamentos e apresentação de documentos por parte da empresa vencedora. Após 72 horas, o novo prestador de serviço ganha prazo de 150 dias para concluir a instalação das câmeras. O vencedor vai explorar o serviço por meio de aluguel.

A Carris pretende equipar com quatro câmeras 371 ônibus da estatal. As imagens captadas também vão auxiliar no diagnóstico de diversas outras ocorrências, como acidentes de trânsito, por exemplo. Os equipamentos vão ser posicionados nas portas de entrada e saída, em frente ao cobrador e atrás do motorista.

Além de reforço policial, a instalação de câmeras foi uma das bandeiras levantadas pelos rodoviários da Carris, que protestaram, suspendendo em julho a circulação de linhas, contra a segurança no transporte público. Os ataques tiveram como alvo, sobretudo, as linhas T4, T8, T10, D43 e 343.

Desde o início do ano, a Carris testa câmeras em quatro veículos. Os dados captados são enviados a um dispositivo de armazenagem, que permite análise posterior das informações. O sistema é o mesmo utilizado na linha seletiva S1 – Aeroporto Hotéis -, inaugurada para a Copa do Mundo.

Bookmark and Share