Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 24/08/2014
  • 20:13
  • Atualização: 20:19

Governador da Califórnia declara emergência por danos do terremoto

Três pessoas sofreram ferimentos graves e 84 foram hospitalizadas com escoriações

Governador da Califórnia declara emergência por danos do terremoto | Foto: Justin Sullivan / AFP / CP

Governador da Califórnia declara emergência por danos do terremoto | Foto: Justin Sullivan / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

O governador da Califórnia (EUA), Edmund Brown, decretou estado de emergência no vale de Napa, famosa região vinícola ao nordeste de São Francisco, após o forte terremoto de magnitude 6 registrado na madrugada deste domingo. Os tremores deixaram três pessoas gravemente feridas.

A medida foi adotada devido aos danos em "infraestrutura, casas e estradas bloqueadas". Também foram registrados vários incêndios, que atingiram uma casa e um trailer, além de bloqueios de estrada na região vinícola de Napa. Entre os feridos está um menino que foi atingido na cabeça por pedaços de uma chaminé. Outros 84 feridos foram levados para o Hospital Queen of the Valley com cortes e hematomas.

Segundo especialistas, este foi o sismo mais forte na baía de São Francisco desde o terremoto de magnitude 6,9 de Loma Prieta, em 1989. O tremor aconteceu às 3h20min, a noroeste da cidade de American Canyon, na Califórnia, a uma profundidade de 10,8 km e a 64 km ao nordeste de São Francisco, de acordo com o Centro Geológico dos Estados Unidos (USGS).

Segundo Dorothy Roberts, da Prefeitura de Napa, vários prédios da cidade sofreram danos estruturais. Os edifícios de ladrilhos do centro histórico foram os mais afetados pelo tremor, com fachadas e janelas quebradas. O responsável por obras públicas de Napa, Jack LaRochelle, disse que será necessário pelo menos uma semana para resolver os problemas de abastecimento de água, gás e energia elétrica, assim como para inspecionar os imóveis afetados.

O USGS emitiu alerta laranja, alegando que "os danos importantes são prováveis e que o desastre é potencialmente amplo". A Polícia Rodoviária da Califórnia fechou vários acessos a autoestradas e pelo menos duas estradas da região de Napa por seu "dano significativo". O órgão recomenda aos motoristas que dirijam com cautela no cruzamento de duas estradas estaduais do vale. "As fendas no asfalto podem furar os pneus", alerta em sua conta no Twitter.

As autoridades estão verificando o estado de uma ponte da autoestrada 37, perto da localidade de Vallejo, diante de possíveis danos, informou o canal local de TV KCBS. O terremoto deixou cerca de 69 mil casas sem luz. A companhia Gás e Eletricidade do Pacífico informou que enviou equipes técnicas para restabelecer o serviço nas próximas horas.

Bookmark and Share