Correio do Povo

Porto Alegre, 21 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
14º 24º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

26/08/2014 11:11 - Atualizado em 26/08/2014 13:11

Palestinos anunciam acordo sobre cessar-fogo de longo prazo

Reunião vai estabelecer detalhes da trégua na Faixa de Gaza

Palestinos anunciam acordo sobre cessar-fogo de longo prazo <br /><b>Crédito: </b> Mohammed Abed / AFP / CP
Palestinos anunciam acordo sobre cessar-fogo de longo prazo
Crédito: Mohammed Abed / AFP / CP
Palestinos anunciam acordo sobre cessar-fogo de longo prazo
Crédito: Mohammed Abed / AFP / CP

O cessar-fogo entre o Hamas e Israel deve entrar em vigor nesta terça-feira às 16h (13h no horário de Brasília) na Faixa de Gaza, anunciou uma autoridade palestina que não quis se identificar. Os palestinos anunciaram um acordo de cessar-fogo duradouro após 50 dias de uma guerra no enclave palestino que fez mais de 2,1 mil vítimas palestinas. Este acordo ainda não foi confirmado por Israel.

No momento da entrada em vigor do cessar-fogo, o presidente Mahmud Abbas anunciará os detalhes do acordo, que prevê "um cessar-fogo permanente" e "o levantamento do bloqueio de Gaza" criado por Israel em 2006, a principal demanda dos palestinos.

O conflito entre Israel e os grupos armados palestinos na Faixa de Gaza, que iniciou em 8 de julho, fez mais de 2,1 mil mortos do lado palestino e 68 entre os israelenses. As negociações para uma trégua, conduzidas até o momento no Cairo sob a égide do serviço secreto egípcio, haviam fracassado até então.

Musa Abu Marzuq, número dois do Hamas no exílio, que participava nas negociações do Cairo para obter um cessar-fogo com Israel, afirmou que o acordo, que "encarna a resistência de nosso povo", constitui uma "vitória para a resistência".

O cessar-fogo é o resultado, segundo a autoridade palestina, de "contatos feitos pelo chefe da delegação palestina Azzam al-Ahmad, com os líderes do Hamas, da Jihad Islâmica e outros movimentos palestinianos em Ramallah, Gaza e Catar, além de Egito e as partes regionais e internacionais".


Bookmark and Share


Fonte: AFP






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.