Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

  • 26/08/2014
  • 12:11
  • Atualização: 12:19

Polícia britânica pede ajuda para identificar aspirantes a terrorista

Mais de 40 mil arquivos considerados extremistas serão retirados da internet

  • Comentários
  • AFP

A polícia britânica fez um apelo nesta terça-feira para que amigos e familiares ajudem a identificar aspirantes a terrorista e pessoa que pretendam viajar para a Síria ou o Iraque. "Pedimos ao público, familiares e amigos que nos ajudem a identificar os aspirantes a terrorista; pode ser que estejam a ponto de viajar para o exterior ou que tenham dado sinais de radicalização", pediu a polícia em um comunicado.

O assassinato do jornalista americano James Foley aparentemente foi cometido por um membro inglês da organização Estado Islâmico, que opera na Síria e no Iraque e isso mobilizou as forças de segurança britânicas que querem identificar o jihadista que aparece em vídeo decapitando a vítima.

Os investigadores estão fazendo progressos na identificação dos assassinos de Foley, segundo afirma a polícia no mesmo comunicado, sem dar mais detalhes a respeito. O texto enfatiza apenas que "o compromisso de lutar contra esta ameaça se traduz no aumento de prisões relacionadas com a Síria".

A polícia também pediu a retirada de mais de 45 mil arquivos da internet considerados extremistas, como, por exemplo, os que fazem convite para se alistar em grupos jihadistas.

Bookmark and Share