Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 27/08/2014
  • 19:41
  • Atualização: 19:50

Ocupação junto ao terreno cedido à Ospa preocupa Câmara de Porto Alegre

Área usada por argentinos que acamparam durante a Copa tem cerca de dez famílias

  • Comentários
  • Voltaire Porto/Rádio Guaíba

O presidente da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, Professor Garcia, alertou sobre a invasão de uma área pública nas proximidades da sede da Casa. Um pequeno grupo formado por pelo menos dez famílias ocupou uma espécie de corredor entre o gradil da Câmara e os tapumes do espaço cedido para o novo teatro da Ospa. O temor é de que o lugar, perto do terreno que já abrigou a Vila Chocolatão, se transforme em uma comunidade maior.

Nesta quarta-feira, o vereador disse estar aguardando há três semanas pelo retorno de um pedido de providências à prefeitura. “Essa área é pública e não temos autonomia sobre ela, a necessidade é de uma ação imediata por parte do prefeito. Todos os dias chega mais gente e a quantidade de invasores só aumenta, já comunicamos a prefeitura e agora vamos avisar sobre a situação à direção da Ospa”, adiantou.

O líder do governo na Câmara Municipal, Airto Ferronato, desconhecia os ofícios encaminhados ao Executivo. Ele se comprometeu a cobrar da Guarda Municipal e da Fundação de Assistência Social e Cidadania uma solução para o problema. A área ocupada foi um dos lugares cedidos para os argentinos acamparem durante a Copa do Mundo. A informação de servidores da Câmara Municipal é de que, em seguida a saída dos turistas, o espaço foi ocupado pelos moradores de rua.

Bookmark and Share


TAGS » Porto Alegre, Geral, Ospa