Correio do Povo

Porto Alegre, 21 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
14º 24º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

29/08/2014 12:15 - Atualizado em 29/08/2014 12:25

Voos são liberados após erupção de vulcão islandês

Fissura provocada pela erupção tem 900 metros de largura e está a 5 km da geleira

Fissura provocada pela erupção tem 900 metros de largura e está a 5 km da geleira<br /><b>Crédito: </b> Bruce Alexander / AFP / CP
Fissura provocada pela erupção tem 900 metros de largura e está a 5 km da geleira
Crédito: Bruce Alexander / AFP / CP
Fissura provocada pela erupção tem 900 metros de largura e está a 5 km da geleira
Crédito: Bruce Alexander / AFP / CP

A Islândia reabriu nesta sexta-feira o tráfego aéreo sobre o vulcão Bardarbunga, depois de ter sido fechado devido a uma erupção durante a noite, que recordou o caos vivido nos aeroportos europeus em 2010 pela erupção de outro vulcão. O cenário catástrofe ainda não foi confirmado, já que o Bardarbunga tem expelido apenas cinzas. O Bardarbunga, um grande vulcão na área da maior geleira do país, tem quase 2 mil metros e é considerado suficientemente perigoso para ameaçar, no caso de erupção, o tráfego aéreo no norte da Europa e no Atlântico Norte, como o Eyjafjallajökull, em 2010.

O Instituto Meteorológico Islandês chegou a elevar o nível de alerta para "vermelho", o máximo, para os voos sobre o vulcão, mas os aeroportos do país não foram fechados, e o alerta foi rebaixado para "laranja" durante o dia.  "Uma erupção vulcânica teve início pouco depois da meia-noite" (21h de Brasília), anunciou a Defesa Civil. A erupção aconteceu ao nível do Holuhraun, um campo de lava no centro da ilha, muito afastado das áreas habitadas.

"O sistema de radares não detectou até o momento nenhuma cinza vulcânica. O abalo sísmico provocado pela erupção é fraco, o que indica uma erupção efusiva sem atividade explosiva significativa", completa um comunicado. Em uma erupção efusiva, o vulcão expele lava que permanece na superfície do vulcão. A atividade passa a ser explosiva quando emite-se
cinzas.

A fissura provocada pela erupção "tem 900 metros de largura e está a 5 km da geleira", sob a qual está o Bardarbunga, indicou a Defesa Civil no Twitter. A atividade do vulcão começou no dia 16 de agosto, provocando centenas de tremores diários. No sábado passado, o nível de alerta para a aviação foi elevado a "vermelho", mas rebaixado no dia seguinte a "laranja", depois uma erupção não foi registrada.

A Islândia adotou novamente as máximas precauções nas primeiras horas desta sexta-feira, ao proibir voos em toda a região, incluindo no aeroporto de Akureyri (norte), mas a área foi reduzida ao ser confirmada a erupção efusiva. No terremo, na região ao norte da geleira Vatnajökull, o tráfego continua proibido desde que a área foi evacuada, em 20 de agosto.

Trata-se de um lugar selvagem, onde há apenas cabanas e acampamentos de caçadores e praticantes de caminhada, e a atividade do Bardarbunga teve apenas um impacto limitado, ou mesmo zero, na vida dos habitantes.

Bookmark and Share


Fonte: AFP






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.