Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 01/09/2014
  • 12:40
  • Atualização: 12:42

Primeiro-ministro britânico anuncia endurecimento das medidas antiterroristas

Passaportes de supostos jihadistas podem ser apreendidos pelas autoridades, segundo Cameron

Primeiro-ministro britânico anuncia endurecimento das medidas antiterroristas | Foto: Parliament TV / AFP / CP

Primeiro-ministro britânico anuncia endurecimento das medidas antiterroristas | Foto: Parliament TV / AFP / CP

  • Comentários
  • Lancepress

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, anunciou nesta segunda-feira o endurecimento das leis antiterroristas, que permitirá à polícia apreender os passaportes dos supostos jihadistas em seu retorno ao país, entre outras medidas.

Cameron também anunciou no Parlamento que as companhias aéreas terão que fornecer mais detalhes sobre os passageiros, sob o risco de não poder pousar, e que os suspeitos de jihadismo que vivem no Reino Unido enfrentarão restrições a sua liberdade.

Na última sexta-feira, Cameron disse que o Estado Islâmico é a maior ameaça já enfrentada pelo Reino Unido, pouco depois de elevar o grau de ameaça terrorista de "substancial" a "severo". "A brutalidade do Estado Islâmico na Síria e no Iraque é uma ameaça direta ao Reino Unido", sustentou. "Poderíamos acabar enfrentando um Estado terrorista na margem do Mediterrâneo e fronteiriço com um membro da Otan (Turquia)", afirmou Cameron.

O primeiro-ministro estimou em 500 os britânicos que viajaram para Iraque e Síria para combater nas fileiras jihadistas e voltou a expressar seu temor de que queiram continuar com sua luta ao voltar para casa.

Bookmark and Share