Porto Alegre, sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

  • 01/09/2014
  • 15:21
  • Atualização: 15:28

Novos advogados de Leandro Boldrini só devem se manifestar em juízo

Defensores assumiram o caso no fim de semana comunicam decisão em nota oficial

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

Ezequiel Vetoretti e Rodrigo Grecellé Vares, novos advogados de Leandro Boldrini no caso do assassinato do menino Bernardo, comunicaram em nota oficial na tarde desta segunda-feira que só devem falar à imprensa em juízo. Eles assumiram o caso nesse domingo, depois que o advogado Jader Marques comunicou oficialmente que deixou o caso por divergências quanto à condução da defesa técnica. Os novos advogados devem se inteirar mais sobre o caso nos próximos dias: eles entrarão com pedido de vista ao processo hoje e devem ter acesso aos autos na terça.

Leia mais notícias sobre o caso Bernardo

A próxima audiência do caso Bernardo está marcada para o dia 8 de setembro, quando serão ouvidas as sete testemunhas de acusação, que não puderam prestar depoimento na última terça-feira. Em outra sessão — ainda sem data definida — serão ouvidas as 22 testemunhas de defesa.

Outras 44 pessoas, que residem fora da comarca de Três Passos, vão depor por meio de carta precatória. Após o período de audiência de instrução — além das testemunhas, serão intimados os peritos e os réus —, o juiz define se os acusados vão ou não a júri popular, além da data do julgamento.

A Polícia divulgou vídeos, gravados por Leandro Boldrini, na audiência. Em um deles é mostrada uma briga de Graciele Ugulini (madrasta de Bernardo) com o garoto e, em outro, o médico provoca o garoto a lhe atacar com um facão. As gravações foram recuperadas por peritos do IGP do celular do médico. A promotora Sílvia Jappe afirmou que os vídeos apresentados pela delegada Caroline Bamberg reforçaram a acusação. A promotora fala que muitas dúvidas ainda devem ser esclarecidas e estima que a conclusão do caso não ocorra neste ano.

Abaixo, o conteúdo da nota divulgada à imprensa:

“Na condição de defensores constituídos para atuar em defesa de Leandro Boldrini, queremos nos dirigir a todos os profissionais da imprensa para informar que temos por princípio fazer todas as nossas manifestações apenas nos autos dos processos, preservando o respeito ao Juízo e mantendo a discussão apenas no âmbito judicial.

Reiteramos o nosso respeito pela nobre atividade desempenhada pela imprensa.

Cordialmente;

Ezequiel Vetoretti e Rodrigo Grecellé Vares.”


Bookmark and Share