Porto Alegre, quinta-feira, 18 de Dezembro de 2014

  • 02/09/2014
  • 19:20
  • Atualização: 19:21

Santa Cruz do Sul e Restinga Seca decretam situação de emergência

Mais três municípios devem recorrer à medida devido às fortes chuvas

  • Comentários
  • Ananda Müller / Rádio Guaíba

Chuva e vento forte que atingiram o Rio Grande do Sul nos últimos dias levaram pelo menos duas cidades a decretar situação de emergência no Rio Grande do Sul. Os municípios de Restinga Seca, na região Central, e Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo, encaminharam a documentação e já tiveram o pedido aceito pela Defesa Civil. As principais perdas estão concentradas em propriedades particulares e lavouras de plantio. As regiões Central e Nordeste, além do Norte, também foram atingidas.

• Granizo causa destelhamentos no Alto Uruguai

A Defesa Civil concede a situação de emergência nos casos em que os levantamentos técnicos apontem que houve perdas iguais ou superiores a 2,7% da receita municipal em prédios públicos ou 8,3% do mesmo índice em propriedades privadas. Jari, também na região Central, segue contabilizando os estragos e deve decidir até amanhã se entra com o pedido de emergência. No Vale do Taquari, cerca de 500 casas foram danificadas pelo granizo em Sério, mas ainda não há decreto oficializado. Em Santiago, onde o granizo atingiu 504 casas, também examina um possível decreto nesta quarta-feira.

Bookmark and Share