Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 16 de Agosto de 2017

  • 09/08/2017
  • 12:05
  • Atualização: 12:14

MEC lança programa para empreendedores com apoio de universidades federais

Objetivo é permitir conhecimento para os cursos de administração, gestão e ciências contábeis

Objetivo é permitir conhecimento para os cursos de administração, gestão e ciências contábeis | Foto: Carla Ruas / CP Memória

Objetivo é permitir conhecimento para os cursos de administração, gestão e ciências contábeis | Foto: Carla Ruas / CP Memória

  • Comentários
  • Agência Brasil

O Ministério da Educação (MEC), em parceria com o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, lançaram hoje o programa Instituição Amiga do Empreendedor (IAE), com o objetivo de permitir conhecimento dos cursos de administração, gestão e ciências contábeis aos brasileiros que planejam montar ou melhorar seu negócio.

Para avaliar a dinâmica do IAE, foi estruturada uma fase piloto, envolvendo nove instituições, que, a partir da próxima quarta-feira, estarão recebendo as propostas. Participarão do programa as Universidades de Brasília, Federal de Lavras, no estado de Minas Gerais, Universidade do Vale do Rio dos Sino, em Porto Alegre, Universidade Nove de Julho, em São Paulo, Centro Universitário Jorge Amado, em Salvador, Universidade Católica de Salvador (UCSAL), Centro Universitário do Estado do Pará, Universidade Veiga de Almeida, no Estado do Rio de Janeiro e Universidade Tiradentes, em Aracaju. 

A partir do dia 5 de outubro, Dia do Empreendedor, o portal do programa estará aberto para a inscrição de outras instituições de ensino superior e empreendedores interessados. As orientações de adesão estarão disponíveis no site na próxima semana.  "É fundamental estabelecer uma conexão entre as agendas da universidade e da sociedade. Em toda sociedade avançada, verificamos isso", disse o secretário de Educação Superior do MEC, Paulo Barone.

Um dos parceiros, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas informou que vai estimular o público que utiliza seus serviços para ingressarem no programa. A entidade pretende distribuir, junto com seu material, um manual explicativo sobre o IAE. A instituição que aderir ao IAE  receberá o selo Faculdade Amiga do Empreendedor. A cada seis meses, seu desempenho será avaliado e, se for satisfatório, o selo será mantido.


TAGS » Ensino, Universidade, MEC