Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
17ºC
Amanhã
14º


Faça sua Busca



Esportes > Copa 2014

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

17/06/2014 14:52 - Atualizado em 20/06/2014 14:53

Bélgica vira e vence a Argélia por 2 a 1 em Belo Horizonte

Fellaini e Mertens marcaram os gols para os europeus

Bélgica virou o jogo com dois gols no segundo tempo em BH<br /><b>Crédito: </b> Martin Bureau / AFP / CP
Bélgica virou o jogo com dois gols no segundo tempo em BH
Crédito: Martin Bureau / AFP / CP
Bélgica virou o jogo com dois gols no segundo tempo em BH
Crédito: Martin Bureau / AFP / CP

Quem esperava um bom futebol da seleção da Bélgica vai ter que esperar a segunda rodada. O time apontado como possível sensação da Copa do MUndo ficou devendo e muito. A vitória por 2 a 1 sobre a Argélia custou muito suor dos europeus em Belo Horizonte (MG). Jogando muito abaixo das expectativas, Hazard e companhia viram os africanos abrirem o placar ainda no primeiro tempo. No segundo, Fellaini e Mertens saíram do banco de reservas para virar a partida.

O jogo começou muito equilibrado, e a primeira jogada de perigo foi somente aos 20 minutos, com Witsel, de longe. Mas o goleiro M'Bohli fez a defesa. A Bélgica tinha dificuldades, e quando Vertonghen precisou parar o ataque africano com falta, Feghouli não perdoou. De pênalti, abriu o placar, aos 24 minutos.

Aos 33 minutos, o volante Witsel tentou sua segunda finalização de fora da área, mas goleiro defendeu novamente. Satisfeita com o resultado até então, a Argélia se defendia com todos os jogadores na intermediária defensiva. Antes do fim da primeira etapa, os belgas ainda tentaram novamente de fora da área. Sem sucesso. A primeira infiltração de Hazard chegaria somente aos 43 minutos, quando lançou Chadli. Mas a bola foi nas mãos do goleiro.

Do banco para vitória

Logo no início a postura belga foi outra. Aos 4 minutos, Mertens cobou escanteio, o goleiro raspou na bola e Witsel não conseguiu dar direção ao cabeceio. Mas a forte marcação africana continuava. Porém, quando teve chance, quase marcou após cobrança de escanteio. O goleiro Rais M'Bohli ia se transformando no grande nome do jogo depois da terceira grande defesa, mas Fellaini,que entrara pouco antes, aproveitou cruzamento de De Bruyne para empatar, de cabeça.

A virada do time belga só saiu quando, pela primeira vez, os argelinos ficaram expostos. Em contra-ataque aos 35 minutos, Hazard achou Mertens, que chutou forte, sem chances para o goleiro. Cansada, Argélia não teve forças para reagir.






Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo





O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.