Correio do Povo

Porto Alegre, 20 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
13ºC
Amanhã
12º 28º


Faça sua Busca



Esportes > Copa 2014

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

23/06/2014 16:25

Mais de 20 mil argentinos já entraram no RS para acompanhar seleção no Beira-Rio

Governo gaúcho espera a vinda de 80 mil hermanos, mas imprensa local projeta até 200 mil

Dos 80 mil argentinos aguardados pela Secretaria Estadual de Segurança Pública Rio Grande do Sul para acompanhar a Copa do Mundo, mais de 20 mil já cruzaram a Fronteira pelas unidades da Polícia Federal (PF) ou pelo Aeroporto Internacional Salgado Filho.

Conforme a Polícia Federal (PF), a maioria dos argentinos ingressou por Uruguaiana. O restante entrou no Estado pelas unidades do Chuí, Jaguarão, Bagé, Santana do Livramento, São Borja e Santo Ângelo – que compreende as entradas de Porto Xavier e Porto Mauá. Os torcedores ingressaram no Brasil do dia primeiro de junho até a data está segunda-feira.

Deste montante, nove já foram barrados pela Polícia Federal em Uruguaiana por serem considerados barrabravas, processados ou condenados por envolvimento em crimes relacionados com o futebol.

Enquanto a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) trabalha com a hipótese de acolher até 80 mil argentinos, a imprensa do país vizinho projeta que esse total possa chegar a 120 mil ou até 200 mil torcedores. A tendência é de que a estimativa argentina não se confirme, uma vez que durante todo o mês de janeiro desde ano, entraram cerca de 90 mil hermanos no Estado para a temporada de praias.

A maior parte dos torcedores entra com carros particulares pela fronteira de Uruguaiana. A média de ingresso diário de argentinos pela divisa mais do que triplicou desde o final de semana — de 400 para mais de 1.300. A Seleção da Argentina enfrenta a Nigéria a partir das 13h, da próxima quarta-feira, no Estádio Beira-Rio.

Ônibus barrados nessa manhã

Dos sete ônibus de argentinos que tentaram ingressar no Rio Grande do Sul pela fronteira de Uruguaiana, nessa manhã, dois foram impedidos. Os veículos, cada um com cerca de 50 torcedores, não tinham a carta verde, um seguro obrigatório para circular no Brasil. À maioria dos cerca de 100 argentinos que precisaram retornar ao país natal, de acordo com a PRF, tinha ingressos comprados para a partida contra a Nigéria, em Porto Alegre, na próxima quarta-feira. Eles podem voltar ao Brasil se os ônibus regularizarem os documentos ou se utilizarem outros veículos.

Bookmark and Share

Fonte: Lucas Rivas/Rádio Guaíba





O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.