Correio do Povo

Porto Alegre, 31 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
17º 24º


Faça sua Busca



Esportes > Copa 2014

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

30/06/2014 14:52 - Atualizado em 30/06/2014 15:19

França vence Nigéria e avança para quartas

Pogba e Griezmann fizeram os gols na vitória de 2 a 0 no Mané Garrincha

França vence Nigéria e avança para quartas <br /><b>Crédito: </b> Fabrice Cofrini / AFP/ CP
França vence Nigéria e avança para quartas
Crédito: Fabrice Cofrini / AFP/ CP
França vence Nigéria e avança para quartas
Crédito: Fabrice Cofrini / AFP/ CP

Em um jogo de alta voltagem, a França venceu a Nigéria por 2 a 0 na tarde desta segunda-feira no estádio Mané Garrincha com autoridade. Com gols de Pogba aos 33 e Griezmann aos 46 minutos do segundo tempo, os Les Bleus garantiram a passagem para as quartas de final da Copa do Mundo.

Com a vitória, a França agora aguarda o vencedor de Alemanha e Argélia, que jogam ainda nesta segunda-feira no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. 

França e Nigéria em ritmo alucinante


França e Nigéria iniciaram a disputa por uma vaga nas quartas de final da Copa do Mundo em alta velocidade. Durante todo o primeiro tempo, as duas seleções pareciam estar ligadas no 220. A velocidade imprimida em cada jogada causava espanto e assim franceses e nigerianos se degladiavam no palco do Mané Garrincha.

Mais técnica, a França era mais objetiva e apostava muito na movimentação de Valbuena, Pogba e Matuidi. O trio fazia de tudo para abastecer Benzema e Giroud no ataque. O primeiro lance de perigo surgiu aos 14 minutos, quando Benzema aparece livre pela esquerda e cruzou para o companheiro de ataque. Giroud arriscou o chute de fora da área, mas levou azar. A bola subiu muito e passou longe do gol de Enyeama.

A resposta da Nigéria veio com um gol, que a arbitragem decidiu anular por causa de um impedimento. Após uma grande jogada de Musa pela esquerda, Omenike concluiu o cruzamento com um leve toque rasteiro para a meta de Lloris. A bola entrou, mas em seguida o árbitro Mark Geiger confirmou que o camisa 9 estava adiantado. Aos 21, em novo ataque veloz, a França quase abriu o placar em Brasília. Valbuena apareceu pela direita e cruzou na medida para Giroud, que chutou de sem pulo para uma grande defesa de Enyeama

O ritmo do jogo caiu um pouco por volta dos 30 minutos, quando as equipes passaram a trabalhar mais a bola. Apesar disso, mais chances de gol foram criadas. Aos 39, Pogba lançou Valbuena que, de primeira, recuou para o lateral Debuchy. O ala arriscou o chute de primeira e para sorte dos nigerianos o arremate saiu sem direção. Aos 43, a Nigéria assustou com Omenike. Em ataque pela direita, ele chutou muito forte para uma defesa importante de Lloris.

Heróis também falham e a França aproveita

Na volta para o segundo tempo, a Nigéria retornou com o mesmo fôlego usado na etapa inicial e encurralou a França nos primeiros minutos. O meio-campo passou a ganhar quase todas bolas do trio Pogba, Valbuena e Matuidi. Presos à marcação, os franceses entregaram o domínio da partida para os africanos, que a todo instante retomavam a posse de bola para seguir em direção ao ataque.

A primeira grande investida da Nigéria surgiu aos 18 minutos, quando Odemwingie arriscou de fora da área. A bola veio rasteira e obrigou Lloris a fazer uma grande defesa. Sem força para atacar, o técnico Didier Deschamps viu problemas na equipe e decidiu resolvê-los com a entrada de Griezmann na vaga de Giroud. A entrada do novo parceiro poderia animar Benzema, até então bem marcado no jogo.

A iniciativa de Deschamps deu certo e com efeito recorde. Aos 24 minutos, Benzema tabelou com Griezmann e ficou na frente de Enyeama. O centroavante francês chutou rasteiro e o goleiro nigeriano abafou o lance. A bola teimou em seguir para o gol e quando estava cruzando a linha, foi afastada definitivamente por Oshniwa, o salvador da pátria africana.

O lance parece ter animada França e voltou a ter intensidade no jogo. Aos 31 minutos do segundo tempo, o time francês quase chegou ao gol. Após escanteio, a bola sobrou para Benzema, que dentro da área chutou forte. A defesa nigeriana afastou e Cabaye pegou o rebote. O chute do lateral bateu no travessão, para desespero dos Les Bleus.

Em seguida, em nova tentativa de ataque, Valbuena cruzou a bola na cabeça de Benzema, que concluiu o lance com perfeição. Enyeama estava ali para salvar mais uma vez a Nigéria. Na sequência do lance, a França encontrou o caminho das redes justamente na falha daquele que se transformava no herói da Nigéria. Depois do cruzamento, Enyeama se complicou e Pogba cabeceou para o gol e fez 1 a 0.

O gol deu ânimo e gás para França que já não parecia satisfeita com a vantagem mínima. Aos 38 minutos, Griezmann foi lançado pela esquerda e entrou livre para marcar. O chute saiu alto e forte e Enyeama fez mais uma grande defesa no jogo.

Absolutamente batida, a Nigéria não sabia como atacar. A engrenagem que minutos antes sufocava os franceses entrou em curto circuito e abriu mais espaço para a França. Nos minutos finais, aos 46, os Les Bleus deram o golpe de misericórdia. Após um escanteio, Griezmann antecipou à zaga e com um toque sutil fez 2 a 0, executando sumariamente os africanos e carimbando a passagem para as quartas de final na Copa do Mundo.

Oitavas de Final


França 2
Lloris; Debuchy, Varane, Koscielny e Evra; Cabaye, Pogba, Matuidii e Valbuena (Sissoko); Benzema e Giroud (Griezmann). Técnico: Didier Deschamps.

Nigéria 0

Enyeama; Ambrose, Yobo, Oshaniwa e Omeruo; Onazi (Gabriel), Mikel, Musa e Moses; Odemwingie e Emenike. Técnico: Stephen Keshi.

Gols: Pogba, aos 33/2º; Griezmann, aos 46/2º;

Cartões Amarelos: Matuidi (F)

Árbitro: Mark Geiger (EUA) Auxiliares: Mark Sean Hurd (EUA) e Joe Fletcher (CAN).

Estádio: Mané Garrincha, em Brasília.


Confira a galeria de fotos do jogo:





Bookmark and Share


Fonte: Luiz Felipe Mello / Correio do Povo





O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.