Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
16ºC
Amanhã
22º 34º


Faça sua Busca



Esportes > Copa 2014

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

04/07/2014 08:52 - Atualizado em 04/07/2014 09:07

França e Alemanha fazem duelo de gigantes no Maracanã

Seleções entram em campo às 13h e brigam por vaga na semifinal da Copa do Mundo

França e Alemanha fazem duelo de gigantes no Maracanã<br /><b>Crédito: </b> Montagem sobre fotos de Fabrice Coffrini / AFP e Fabiano do Amaral
França e Alemanha fazem duelo de gigantes no Maracanã
Crédito: Montagem sobre fotos de Fabrice Coffrini / AFP e Fabiano do Amaral
França e Alemanha fazem duelo de gigantes no Maracanã
Crédito: Montagem sobre fotos de Fabrice Coffrini / AFP e Fabiano do Amaral

O Maracanã servirá como palco para o encontro entre Alemanha e França, duas das maiores seleções do planeta. O duelo, permeado de dramaticidade e tensão, começa às 13h desta sexta-feira e vale vaga à semifinal da Copa do Mundo. Quem vencer, segue na busca do título. Os alemães podem ser apontados como favoritos pela história nos Mundiais e também pelo retrospecto atual.

ACOMPANHE A PARTIDA MINUTO A MINUTO A PARTIR DAS 13h

Os franceses vêm demonstrando força. Os terminaram em primeiro no Grupo E, vencendo Honduras e Suíça e empatando com o Equador, além de derrotar a Nigéria por 2 a 0, nas oitavas. O time de Didier Deschamps terá a volta do zagueiro Sakho, recuperado de lesão na coxa esquerda. O destaque é o atacante Karin Benzema, que deve ter Griezmann como companheiro, na vaga de Giroud. “O esquema de França e Alemanha é o mesmo, o que muda é que cada seleção tem jogadores com características diferentes”, disse Deschamps.

A Alemanha começou a Copa com os 4 a 0 sobre Portugal, depois empatou com Gana e derrotou os Estados Unidos. Nas oitavas, passou de forma sofrida pela Argélia, por 2 a 1 na prorrogação. Com a lesão do zagueiro Mustafi, crescem as chances de Joachim Löw colocar Lahm de volta à posição de origem: lateral-direito. A equipe terá a volta do zagueiro Hummels e confiará na eficiência de Müller. “Não creio que já tenhamos mostrado nosso melhor futebol na Copa”, disse Löw. Ele acredita que a Alemanha encontrará as condições ideais para brilhar no duelo de hoje. O vencedor enfrenta, na semifinal, o melhor de Brasil e Colômbia.

França descarta revanche

Para a França, a partida poderia ser encarada como uma revanche das duas semifinais perdidas para a Alemanha nas Copas da Espanha (1982) e do México (1986). “Aconteceu há muito tempo. São momentos cruéis, pois até hoje muitos falam sobre eles. Não vamos falar de revanche, mas foram grandes momentos, emotivos, tristes”, disse o técnico francês Didier Deschamps. A França, porém, impôs um sério revés aos alemães na decisão do terceiro lugar do Mundial de 1958. Com quatro gols de Just Fontaine, venceu o jogo por 6 a 3 e garantiu uma melhor colocação naquela Copa — vencida pelo Brasil.

Nessa quinta-feira, o jornal alemão Bild publicou que o grupo alemão tem problemas de saúde. “Sete jogadores aparentam gripe ou dor de garganta. Ar-condicionado, viagens, diferenças de temperatura...”, lamentou o técnico Joaquim Löw à publicação.

Quartas de final

França
Lloris; Debuchy, Sakho, Varane e Evra; Pogba, Cabaye, Matuidi e Valbuena; Benzema e Giroud (Griezmann). Técnico: Didier Deschamps.

Alemanha
Neuer; Boateng, Mertesacker, Hummels e Höwedes; Schweinsteiger, Lahm, Kroos e Ozil; Muller e Gotze. Técnico: Joachim Löw.

Árbitro: Nestor Pitana (ARG).
Local: Maracanã
Horário: 13h

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo





O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.