Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
16ºC
Amanhã
22º 34º


Faça sua Busca



Esportes > Copa 2014

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

10/07/2014 13:37 - Atualizado em 10/07/2014 13:49

Ronaldo não deve ter ficado feliz, diz Klose sobre recorde

Atacante chegou a 16 gols e virou o maior artilheiro de Copas

Klose se tornou maior artilheiro da história das Copas<br /><b>Crédito: </b> Patrik Stollarz / AFP / CP
Klose se tornou maior artilheiro da história das Copas
Crédito: Patrik Stollarz / AFP / CP
Klose se tornou maior artilheiro da história das Copas
Crédito: Patrik Stollarz / AFP / CP

Aos 22 minutos do primeiro tempo do duelo contra o Brasil na última terça-feira, no Mineirão, a Alemanha abriu 2 a 0 e ninguém podia imaginar que o jogo terminaria 7 a 1. No entanto, uma pessoa do estádio já tinha muito a lamentar. O gol marcado por Klose foi o 16º do atacante alemão em Copas do Mundo, o que o tornou o maior artilheiro da história do torneio. Das tribunas, Ronaldo, que tem 15, foi superado e teve de lidar com a decepção enquanto comentava o jogo pela TV Globo.

“Ele é uma grande personalidade, uma grande pessoa. Acredito que não deve ter ficado muito feliz. Deve ter sido um gosto amargo ver do estádio que quebrei o recorde. O que posso dizer é que é muito bom fazer parte do clube dos atacantes com 16 gols em Copas, no caso eu (risos)”, disse o camisa 11 alemão em entrevista coletiva.

Os dois atacantes se encontraram na Copa do Mundo de 2002. Na decisão, Ronaldo fez dois gols, o Brasil venceu a Alemanha por 2 a 0 e sagrou-se pentacampeão do mundo. Klose mostra admiração. Agora jogador da Lazio (ITA), ele afirma que o Fenômeno, que recebeu o apelido quando atuava pela Internazionale de Milão (ITA), é respeitado na Itália até hoje.

“Ele foi um jogador de futebol de primeira classe. Eu jogo agora na Itália. Seja lá com quem eu tenha conversado sobre futebol, todos disseram que Ronaldo foi o melhor que já jogou nos estádios italianos, que ele é o maior atacante contra quem qualquer jogador poderia ter jogado. Estou de acordo. Ele era realmente o atacante mais completo, tinha tudo que um atacante poderia desejar”, afirmou Klose.

O jogador de 36 anos iniciou a Copa do Mundo com 14 gols, um a menos que o brasileiro. Ele igualou o recorde ao fazer um no empate por 2 a 2 com Gana, na primeira fase e agora, diante do Brasil, isolou-se como maior artilheiro das Copas. Tudo isso, para ele, não valerá tanto se a Alemanha não sagrar-se campeã. A final diante da Argentina será às 16h deste domingo, no Maracanã.

Bookmark and Share

Fonte: Lancepress





O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.