Correio do Povo

Porto Alegre, 27 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
11ºC
Amanhã
18º


Faça sua Busca



Esportes > Copa 2014

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

10/07/2014 21:01 - Atualizado em 10/07/2014 21:21

Jogadores da Argentina ignoram e ironizam torcida de Neymar

Questionados, Sergio Aguero e Máxi Rodrigues responderam com certo desdenho e arrogância

Jogadores da Argentina ignoram e ironizam torcida de Neymar<br /><b>Crédito: </b> Juan Mabronata / AFP / CP
Jogadores da Argentina ignoram e ironizam torcida de Neymar
Crédito: Juan Mabronata / AFP / CP
Jogadores da Argentina ignoram e ironizam torcida de Neymar
Crédito: Juan Mabronata / AFP / CP

Neymar concedeu entrevista coletiva nesta quinta-feira à tarde na Granja Comary e afirmou que torcerá pela Argentina na decisão contra a Alemanha, para que os amigos de Barcelona, Javier Mascherano e Lionel Messi, ficarem felizes no domingo. Pouco tempo depois, o astro da Seleção Brasileira foi ignorado e ironizado por companheiros da dupla.

Questionados por um jornalista argentino sobre a frase de Neymar, Sergio Aguero e Máxi Rodrigues responderam com certo desdenho e arrogância na Cidade do Galo. O primeiro foi curto e grosso ao ser perguntado se sabia de tal declaração:

“Não, muito agradecido”, afirmou com semblante de quem não estava nem aí para o camisa 10 do Brasil, que se lesionou e não participou do vexame contra os alemães.

Na sequência, foi à vez de Maxi responder. Na verdade, de ignorar o desejo do astro verde e amarelo.

“É indiferente para nós o que ele (Neymar) disse. Não sabemos se a resposta dele foi para o nosso bem ou para o nosso mal”, afirmou o experiente jogador, que completou:

“É um sonho de todos os argentinos, vamos lutar por isso, independentemente dessas coisas de fora”.

Vale lembrar que esse procedimento em relação à Neymar não foi comum nas semanas anteriores, quando a Seleção Brasileira ainda tinha chance de conquistar o título.

Os jogadores argentinos sempre o elogiaram e, diante da lesão que o tirou da Copa, houve quem declarasse solidariedade ao camisa 10 do Brasil. Messi foi um desses atletas.

O questionamento do jornalista argentino foi feito sem a explicação de que Neymar citou os dois colegas de Barcelona como motivações para sua torcida no domingo, no Rio de Janeiro.

Bookmark and Share

Fonte: Lancepress





O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.